SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número5Prostituição: percursos (com) sentidos. Leitura integrativa das trajectórias familiar e escolar no percurso prostitutivoA formação inicial do professor para os anos iniciais da Educação Básica no Brasil e em Portugal. Uma análise contextual sobre as reformas educativas da década de 90 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Lusófona de Educação

versão impressa ISSN 1645-7250

Rev. Lusófona de Educação  n.5 Lisboa  2005

 

Jorgete Maria Zewe Gemin (2004)

Do saber ser ao saber fazer: missão sócio-educativa e prática docente no ensino superior. Um estudo sobre as representações

Orientação:

Prof.ª Doutora Zita Ana Lago Rodrigues

 

Objetivou-se investigar as representações dos docentes do ensino superior acerca de sua missão sócio-educativa e de sua prática docente tendo o propósito de contribuir para o conhecimento do processo de formação docente, e da construção da identidade profissional, neste processo reflexivo, identificando o seu papel e a sua ação enquanto formadores de outros profissionais docentes, como uma forma de avaliação de suas práticas, verificando a importância das representações, construídas ao longo da sua formação inicial e contínua, e o seu contributo para que se dinamize e enriqueça o processo pedagógico. Constitui-se em uma proposta de inserção, verificando o que deve ser adicionado ao plano de estudos sobre formação docente, ao projeto político-pedagógico das instituições de ensino superior como eixo central de análise do processo de formação profissional.

A população pesquisada foi composta por 25 docentes, atuantes nos cursos de História e Geografia em uma instituição de ensino superior, situada na cidade brasileira de Curitiba, ouvida através de inquérito prévio. Partindo do critério significância das respostas coletadas, selecionaram-se três docentes para a realização das entrevistas em profundidade, cujos dados foram analisados através de técnica de análise dos conteúdos.

O depoimento dos docentes revelou acentuada responsabilidade no fazer pedagógico e o reconhecimento da necessidade de mudança na ação pedagógica, desenvolvendo-se como processo dialógico, questionador, pesquisador, reflexivo e crítico que exige a necessidade de uma mudança consciente por parte do docente, no sentido de haver maior comprometimento com a aprendizagem. A pesquisa demonstrou que as mudanças na educação iniciam-se no fazer pedagógico, no processo avaliativo, na organização das aulas, no relacionamento professor-aluno, considerando-se que os inquiridos compreendem que, para que se alcancem as mudanças desejadas, os cursos de formação, a infra-estrutura das instituições de ensino e as políticas públicas precisam ser repensadas com a participação do coletivo educacional. Através das falas, gestos, concepções, foi possível identificar a presença das representações que estes educadores construíram ao longo da sua formação e como estas se corporificam no cotidiano de seu fazer docente.

 

 

From knowing how to be to knowing how to do: socio-educational mission and teaching practice in higher education

The objective of the study is to investigate the representations by higher education professors about their social-educational mission and teaching practice, aiming at contributing to the knowledge of the process of teacher training and the construction of the professional identity in this process of reflection, by identifying their role and action as shapers of other teaching professionals, as a means of assessing their practices, checking the importance of representations built along the course of their initial and continuous education and its contribution to making the pedagogical process richer and more dynamic. It constitutes a proposal for inclusion, by assessing what must be added to the study plan on teacher training, to the political-pedagogical project of Higher Education institutions as the main axis for assessing the professional training process.

The group analysed consisted of twenty-five teachers from the History and Geography courses at a Higher Education institution, located in the city of Curitiba (Brazil), who had previously answered an inquiry. Based on the criterion of the significance of the collected answers, three teachers were selected for in-depth interviews, whose data were analysed through the content analysis technique.

Their deposition revealed an acute responsibility in their pedagogical practice and the need for change in the pedagogical action to be developed as a dialogical, inquisitive, investigative, reflexive and critical process which requires the need for a conscious change by the teacher, in order to attain a greater commitment towards learning. The research has shown that the changes in education begin with the pedagogical practice, with the assessment process, with class preparation, with teacher-student relationship, considering that the interviewees understand that in order to reach the desired changes, the training courses, the facilities of the education institutions and the public policies must be redesigned with the participation of those involved in the teaching process. Through their discourse, gestures and conceptions, it was possible to identify the presence of the representations that these educators have built along the ourse of their training and how they take shape daily in their teaching practice.