SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número5Compreender, Agir, Mudar, Incluir. Da investigação-acção è educação inclusivaEntre a continuidade e a inovação. O ensino superior de Enfermagem e as práticas pedagógicas dos professores de Enfermagem índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Lusófona de Educação

versão impressa ISSN 1645-7250

Rev. Lusófona de Educação  n.5 Lisboa  2005

 

Profissionais da educação e sua formação para atuação na educação infantil e séries iniciais do ensino fundamental

Rosana Peixoto Gonçalves*

 

Profissionais da educação de vários setores da sociedade vêm discutindo a concepção de educação, a função da escola, a relação entre conhecimento escolar e a vida social e cultural e o trabalho profissional do professor. Ao mesmo tempo em que propõem uma nova educação escolar, um novo papel para o professor, preconizam, a partir de novas práticas pedagógicas inovadoras, a atuação diferenciada da categoria às novas demandas sociais.

 

 

Educational professionals and their training to intervene in pre-primary education and the beginning years of basic education

Education professionals and other sections of society have been discussing the concept of education, the function of the school, the relationship between school knowledge and the social and cultural life, and the teacher’s professional life. At the same time that a new school education and a new role for the teacher are being proposed, a specialized professional performance towards new social requirements is being defended, with innovative educational practices.

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

 

Referências

Brasil, MEC (2000). Conselho Nacional de Educação. Resolução CEB, n. 01/2000. Brasília, 05 de julho de 2000.

Brasil, MEC (1996). Leis e Decretos. LDB - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, Lei 9.394/96, de 4 de dezembro de 1996.

Gramsci, A. (1979). Os intelectuais e a organização da cultura (3.ª ed.). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira (Trad. Carlos N. Coutinho).        [ Links ]

Lefebre H. (1993). Lógica formal - Lógica dialética. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira.

Furter, P. (1966). Educação e vida. Petrópolis: Vozes.

Nóvoa, A. (1995) Os professores e sua formação (2ª ed.). Lisboa: Dom Quixote.

 

 

* Professora do Curso Normal Superior da Faculdade Padre João Bagozzi, Curitiba. Mestre em Ciências da Educação pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Lisboa.

Correspondência:

Faculdade Padre João Bagozzi - Curitiba, Paraná - Brasil

rosana@bagozzi.com.br