SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 número2O Discurso e as Narrativas na Vivência da DepressãoAdesão em Pediatria - do Modelo Biomédico ao Modelo Transaccional: Contribuições para a Intervenção dos Profissionais de Saúde índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia, Saúde & Doenças

versão impressa ISSN 1645-0086

Psic., Saúde & Doenças v.6 n.2 Lisboa nov. 2005

 

Avaliação e Acompanhamento Psicológico Pré e Pós-Transplante Hepático

Lídia M. Matias Abrunheiro*1 , Rui Perdigoto2, Sandra Sendas3

 

1 Coimbra, Portugal

2 Unidade de Transplantação Hepática dos Hospitais da Universidade de Coimbra, Portugal

3 Instituto Piaget, Viseu, Portugal

 

RESUMO: Este trabalho tem por objectivo descrever a actuação do psicólogo num hospital, mais especificamente, na área do transplante hepático. O trabalho deste profissional tem como objectivo a avaliação e o acompanhamento psicológico dos doentes, proporcionando-lhes um espaço de informação geral sobre o tratamento, nomeadamente a preparação emocional e psicológica para possíveis problemas provenientes do processo de tratamento durante a fase pré e pós-transplante hepático. Este processo de acompanhamento e avaliação psicológica tem como objectivo primordial melhorar a qualidade de vida do doente.

Palavras chave: Acompanhamento psicológico, Avaliação, Transplante hepático.

 

 

Evaluation and Psychological Support Pre and Post Hepatic Transplant

ABSTRACT: This work has the objective of show, what a psychologist can do in a hospital, particularly in the liver transplantation unit. The work of this professional has the objective of evaluate and give psychological support to these patients, giving them a space where they can receive more information about the transplantation. Therefore they will be prepared emotional and psychological about some problems, which can show up resulting from the treatment before and after the liver transplant. All this process of psychological support and evaluation has the objective of improving their quality of life.

Key words: Evaluation, Hepatic transplant, Psychological support.

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

REFERÊNCIAS

Bobdily, K., & Fitz, J. (1997). Selection of patients and timing of liver transplantation. In P. Killenberg & P. Clavien (Eds.), Medical care of the liver transplant patient (pp. 3-23). Massachusetts: Blackwel Science.         [ Links ]

Forsberg, A., Lorenzon, U., Nilsson, F., & Backman, L. (1999). Pain and health related quality of life after heart, kidney and liver transplatation. Clinical Transplantation, 13, 453-460.

Küchler, T., Kober, B., Brölsch, C., Henne-Bruns, D., & Kremer, B. (1991). Quality of life after transplantation: Can a psychosocial support program contribute? Transplantation Proceedings, 23, 1541-1544.

Littlefield, C., Abbey, S., Fiducia, D., Cardella, C., Greig, P., Levy, G., Maurer, J., & Winton, T. (1996). Quality of life following transplantation of the heart, liver and lungs. General Hospital Psychiatry, 18, 36S-47S.

Perdigoto, R., & Monteiro, E. (2003). Hepatologia do transplante (2ªed.). Coimbra: Minerva Coimbra.

Santos, Z. (1996). Transplantes: Aspectos psicológicos e psiquiátricos. Clínica Psiquiatria, 17(3), 239-245.

Surman, O. (1989). Psychiatric aspects of organ transplantation. American Journal of Psychiatry, 146, 972-982.

 

* Contactar para E-mail: lídiamatias@iol.pt