SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.4 número1A construção de um instrumento de avaliação das emoções para a anorexia nervosaEstudo de validação do questionário de avaliação da sobrecarga para cuidadores informais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia, Saúde & Doenças

versão impressa ISSN 1645-0086

Psic., Saúde & Doenças v.4 n.1 Lisboa jul. 2003

 

Comportamento Materno em Situação de Risco:

Mães de Crianças com Paralisia Cerebral

Sheila Cristina B. de Sousa* & António A.P. Pires

Instituto Superior de Psicologia Aplicada, Lisboa

 

RESUMO: O objectivo desta investigação é construir uma teoria explicativa sobre o comportamento materno de mães de crianças com Paralisia Cerebral. Foram contactadas quatro mães de crianças com Paralisia Cerebral, com idades compreendidas entre um e três anos e cujo tempo de diagnóstico varia entre os onze meses e os três anos. Os dados foram recolhidos através de entrevista não-estruturada e analisados pelo método da Grounded Theory. A preocupação principal destas mães está relacionada com incerteza que envolve o futuro destas crianças. A maneira encontrada para fazer frente a esta preocupação é o investimento na reabilitação da criança, directamente influenciado pelas expectativas maternas e tendo como características a aprendizagem constante, a disponibilidade total, a exigência, a multifuncionalidade materna e a luta em prole da criança. Este processo social básico afecta grandemente toda a forma de viver destas mães e ilustra, de certa forma, a batalha materna interior entre a força e a depressão, entre os bons e os maus dias.

Palavras chave: Comportamento parental, Criança, Grounded theory, Mãe, Paralisia cerebral.

 

 

Maternal Behavior in a Situation of Risk:

Mothers of Children with Cerebral Palsy

ABSTRACT: The purpose of this study is to develop a theory about the maternal behavior of mothers of children with Cerebral Palsy. The participants have been four mothers of four children with Cerebral Palsy, aged one to three years old and whose diagnosis were made between eleven months and three years prior. Data were collected by means of non-structured interviews, and analyzed by the Grounded Theory method. The major concern of these mothers is related whit the uncertainty that surrounds the future of the child. The major concern of these mothers is related whit the uncertainty that surrounds the future of the child. The way founded to face this concern lays on the child's rehabilitation investment, witch is directly influenced by the maternal expectations, having as main features continuous learning, total availability, demand, multifunctional motherly and struggle on behalf of the child. This basic social process will grossly affect the way of living of these mothers and it shows the inner motherly struggle between strength and depression, between good and bad days.

Key words: Cerebral palsy, Child, Grounded theory, Maternal behaviour, Mother.

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

REFERÊNCIAS

 

Andrada, M.G. (1995). Intervenção Precoce na Criança com Paralisia Cerebral. Lisboa: Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral Calouste Gulbenkian.         [ Links ]

Andrada, M.G. (1997). Paralisia Cerebral - O Estado da Arte no Diagnóstico e Intervenção. Lisboa: Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral Calouste Gulbenkian.

Dormans, J., & Pellegrino, L. (1998). Caring for Children with Cerebral Palsy. Baltimore: Paul Brookes Publishing.

Glaser, B., & Strauss, A. (1967). The Discovery of Grounded Theory: Strategies for Qualitative Research. Chicago: Aldine Publishing Company.

Guralnick, M. (1997). The Effectiveness of Early Intervention. Baltimore: Paul Brookes Publishing.

Johnson, L., Gallagher, R., & La Montagne, M. (1994). Meeting Early Intervention Challenges - Issues from Birth to Three. Baltimore: Paul Brookes Publishing.

 

 

*Contactar para E-mail: apires@ispa.pt