SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 suppl.3Transplantação renal em idade pediátrica: experiência do Centro Hospitalar do PortoA luta contra a desnutrição num país em desenvolvimento: relato de experiência índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Nascer e Crescer

versão impressa ISSN 0872-0754

Nascer e Crescer vol.23  supl.3 Porto nov. 2014

 

COMUNICAÇÕES ORAIS

 

CO-6

Tuberculose na criança – dois casos pouco comuns

 

 

Clara PretoI; Joana VicenteII; Rita MaganoIII; Mário QuadeIV; Fatumata DialloIV; Alice FerreiraIV

ICentro Hospitalar Trás-os-Montes e Alto Douro
IIULS do Nordeste, Centro de Saúde de Macedo de Cavaleiros
IIICentro Hospitalar e Universitário de Coimbra
IVHospital Geral de Cumura, Guiné-Bissau

 

 

A tuberculose (TB) é uma das principais causas de morte em todo o mundo. Apesar do preferencial atingimento pulmonar, em um 1/3 dos casos estão implicadas outras localizações. Apresentamos dois casos de TB extra-pulmonar devido à sua baixa incidência e necessidade de alto índice de suspeita diagnóstica.

Criança de 6 anos de idade, sexo feminino, recorreu ao Hospital de Cumura (Guiné-Bissau) por tumefação dolorosa na coluna dorsal, com limitação funcional e tempo de evolução indeterminado. Apresentava cifose dorsal e fístula com drenagem de exsudado purulento na região lombar direita. Perante o quadro clínico iniciou de imediato tuberculostáticos.

Radiografia torácica sem alterações. Radiografia da coluna com destruição dos corpos vertebrais de D11 e D12 e cifoescoliose dorso-lombar dextro convexa. Feita análise de exsudado –   PCR positiva para M. tuberculosis complex, isolamento em cultura da espécie M.africanum. Evolução favorável, mantendo contudo a cifoescoliose.

Criança de 10 anos, sexo masculino, recorreu ao Hospital de Cumura por aumento do volume abdominal, tosse e febre com um mês de evolução. Noção de perda ponderal com evolução de 3 meses. História de contacto com familiar com TB pulmonar. Ao exame objetivo: febril (40,5ºC), murmúrio vesicular diminuído nos 2/3 inferiores do hemitórax esquerdo, abdómen globoso com sinal de onda líquida. Radiografia pulmonar com imagem de hipotransparência nos 2/3 inferiores do hemitórax esquerdo. Iniciou, de imediato, tratamento com tuberculostáticos, antibioterapia e corticoterapia. Análise do liquido ascítico –  ADA 157 U/L, PCR e cultura negativas para M. tuberculosis. Resolução progressiva do quadro. Após 6 meses de tratamento apresenta exame objetivo e radiografia pulmonar normal.

A TB óssea e peritoneal são duas formas raras de apresentação de TB correspondendo, respetivamente, a 10 e 30% da doença extra pulmonar. O diagnóstico deve basear-se num alto índice de suspeição clínica e no contexto epidemiológico, sendo que a sua precocidade permite reduzir os índices de morbimortalidade. Os exames auxiliares são importantes para a confirmação do diagnóstico, no entanto a obtenção do resultado não é determinante para o início do tratamento.

Nos casos descritos o diagnóstico presuntivo e decisão de tratamento precoce basearam-se na epidemiologia da TB na Guiné-Bissau, no entanto, mesmo nos países desenvolvidos, é necessário ter presente este diagnóstico, principalmente perante imigrantes de países endémicos.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons