SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número2Comportamento parental face à Trissomia 21 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Análise Psicológica

versão impressa ISSN 0870-8231

Aná. Psicológica v.26 n.2 Lisboa abr. 2008

 

Participação comunitária e satisfação com os cuidados de saúde primários

 

Liliana Lobo (*)

 

RESUMO

Neste artigo são apresentados, brevemente, os resultados de um estudo exploratório realizado com cinquenta utentes da Extensão da Brandoa do Centro de Saúde da Venda Nova (Amadora) com a finalidade de investigar a relação entre participação comunitária no desenvolvimento dos cuidados de saúde primários e a satisfação dos utentes em relação à qualidade dos cuidados. Os resultados evidenciam a importância de fomentar uma mudança organizacional nos Centros de Saúde que centre o processo da qualidade nos utentes, para que estes sejam envolvidos e participem activamente no desenvolvimento dos cuidados de saúde primários.

Palavras-chave: Participação comunitária, satisfação, cuidados de saúde primários.

 

ABSTRACT

The objective of this exploratory study with fifteen subjects at Extensão da Brandoa/Centro de Saúde da Venda Nova is about community participation relationship with patient’s satisfaction with quality care.

The results shows the necessity of a organizational change in Centros de Saúde for an active patient’s collaboration in health primary care.

Key words: Community participation, patient satisfaction, health primary care.

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Biscaia, A. R. (2006). A reforma dos cuidados de saúde primários e a reforma do pensamento. Revista Portuguesa de Clínica Geral, 22, 67-79.         [ Links ]

Biscaia, A. R., Martins, J. N., Carreira, M. F. L., Gonçalves, I. F., Antunes, A. R., & Ferrinho, P. (2006). Os Cuidados de Saúde Primários. In Cuidados de Saúde Primários em Portugal – Reformar para Novos Sucessos (pp. 21-30). Lisboa: Padrões Culturais Editora.

Ferreira, P. L., Luz, A., Valente, S., Raposo, V., Godinho, P., & Felício, E. D. (2001). Determinantes da satisfação dos utentes dos cuidados primários: o caso de Lisboa e Vale do Tejo. Revista Portuguesa de Saúde Pública, 2, 53- 61.

Ferreira, P. L., Raposo, V., & Godinho, P. (2005). A voz dos utilizadores dos Centros de Saúde. Lisboa: Instituto da Qualidade em Saúde.

Fitzpatrick, R. (1997). Patient satisfaction. In Andrew Baum e col. (Eds.), Cambridge Handbook of Psychology, Health and Medicine (pp. 301-304). Cambridge: Cambridge University Press.

Hespanhol, A. (2005). A imagem dos serviços de saúde e dos médicos de família em Portugal. Revista Portuguesa de Clínica Geral, 21, 185-191.

Kahssay, H. M., & Oakley, P. (Eds.) (1999). Community involvement in health development: a review of the concept and practice. Geneve: WHO.

Lucas, J. (1996). Centros de Saúde em mudança. Utentes: Que expectativas. Revista Portuguesa de Clínica Geral, 13, 19-22.

Narciso, A. C. (2004). A Participação Comunitária nos Cuidados de Saúde Primários: a Percepção dos Utentes. Monografia de Licenciatura em Desenvolvimento Comunitário e Saúde Mental. Lisboa: ISPA.

Ornelas, J. (2003). Participação, empowerment e liderança comunitária. In José Ornelas & Susana Maria (Eds.), III Conferência de Desenvolvimento Comunitário e Saúde Mental: Participação, Empowerment e Liderança Comunitária (pp. 5-13). Lisboa: ISPA.

Teixeira, J. A. C., & Trindade, I. (2003). Participação dos utentes na melhoria da qualidade dos Serviços de Saúde. In Actas da III Conferência de Desenvolvimento comunitário e Saúde Mental: Participação, Empowerment e Liderança Comunitária (pp. 193-198). Lisboa: ISPA.

 

(*) Licenciatura em Desenvolvimento Comunitário e Saúde Mental, ISPA, Lisboa.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons