SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número1Vivências e percepções do estágio pedagógico: Contributos para a compreensão da vertente fenomenológica do "Tornar-se professor" índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Análise Psicológica

versão impressa ISSN 0870-8231

Aná. Psicológica v.24 n.1 Lisboa jan. 2006

 

Percursos de empregabilidade dos licenciados: Perspectivas europeias e nacional

 

 

FERNANDO RIBEIRO GONÇALVES (*)

TERESA CARREIRA (*)

SANDRA VALADAS (*)

BERNARDETE SEQUEIRA (*)

 

 

RESUMO

No presente trabalho apresentamos uma reflexão em torno da empregabilidade dos diplomados do Ensino Superior. Considerando a pertinência e actualidade do tema, é nossa intenção uma melhor compreensão em relação às questões decorrentes de um mundo cada vez mais globalizado e outras, inerentes à problemática da convergência europeia quanto à formação e qualificação de nível superior. Fizemos o exame de alguns aspectos que remetem para as questões da globalização, sendo apresentados alguns indicadores comparativos nos países da União Europeia. Neste âmbito são destacados factores relativos aos diversos sistemas de ensino, às qualificações académicas e às competências profissionais. São também tecidas algumas considerações sobre os factores de empregabilidade dos diplomados em Portugal, tendo como pano de fundo Bolonha e Praga, bem como as novas exigências do mercado de trabalho no quadro de um novo paradigma de aprendizagem e de formação. Para uma melhor compreensão do fenómeno, os dados de alguns estudos realizados no nosso País serão alvo de uma meta-análise.

Palavras-chave: Diplomados do Ensino Superior, empregabilidade, produtividade, competências, Europa/ /Portugal.

 

 

ABSTRACT

In this work we present a reflection concerning employability of higher education graduates. Considering the pertinence and actuality of the subject, we intent to better comprehend the globalisation phenomenon. Aspects related to formation and qualification of the graduates will also be addressed. We present some comparative indicators regarding educational systems, academic qualifications and professional competences in the European Union countries. Some considerations related to the factors of employability of higher education graduates will also be carried out. On the basis of Bologna and Prague, we suggest new demands of the market world in the chart of a new learning and formation paradigm. For a better comprehension of the phenomenon, we also present a meta-analysis of some studies conducted in Portugal.

Key words: Higher education graduated, employability, productivity, competences, Europe/Portugal.

 

 

Texto completo disponivel apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

 

REFERÊNCIAS

Béduwé C., & Planas J. (Coord.) (2002). Education expansion and labour market (EDEX). Étude comparative menée dans cinq pays européns, Allemagne, Espagne, France, Italie, Rouyaume Uni, avec référence aux E.U.A. Disponível em: http://edex.univ-tlse1.fr/edex/         [ Links ]

CEREQ (1998). Etude sur l’insertion des docteurs. Disponível em: http://www.cereq.fr

CHEERS (2000). Careers after higher education: A European research survey. Disponível em: http://www.uni-kassel.de/wz1/tseregs.htm

CNAVES (2004). Parecer sobre a regulação da oferta de diplomados do Ensino Superior. Disponível em: http://168.144.195.227/cnaves1/DOCS/Pareceres/ PARECER_oferta_diplomados.pdf

Comissão Europeia (1997). Relatório geral. Bruxelas: Comissão Europeia. Disponível em: http://europa. eu.int/abc/doc/off/rg/pt/1997/ptm00097.htm

Commission Européenne (1995). Livre blanc – Enseigner et apprendre: Vers la société cognitive. Bruxelles: Commission Européenne.

Comunicado de Berlim (2003). Communiqué of the Meeting of European Ministers in charge of Higher Education. Disponível em http://www.crup.pt/Documentos%20PDF/Processo_Bolonha_PDF/Berlin _Communique.pdf

Comunicado de Praga (2001). Towards the European Higher Education Area – Communiqué of the Meeting of European Ministers in charge of Higher Education. Disponível em: http://www.crup.pt/Documentos% 20PDF/Processo_Bolonha_PDF/Prague_communiq ue.pdf

CRUP (2004). Repensar o Ensino Superior: III. As funções da Universidade numa sociedade em mudança. Disponível em http://www.crup.pt/

Declaração de Bolonha (1999). Joint Declaration of the European Ministers of Education Convened in Bologna on the 19th of June. Disponível em: http://www. crup.pt/Documentos%20PDF/Processo_Bolonha_P DF/bologna_declaration.pdf

Declaração de Sorbonne (1998). Déclaration Conjointe des quatre Ministres en charge de l’Enseignement Supérieur en Allemagne, en France, en Italie et au Royaume-Uni. Disponível em: http://www.ubi.pt/ubineec/_private/Sorbonne.doc

Delors, J. (Coord.) (1996). Educação um tesouro a descobrir. Porto: Edições ASA.

Eurostat (2001). Rapport annuel. Bruxelles: Eurostat. Disponível em: http://www.europa.eu.int/comm/ eurostat/Public/datashop/print%20product/FR?cata logue=Eurostat&product=9-19012004-FR-AP-FR &type=pdf

Eurydice (1997). Les chiffres clés de l’éducation dans l’Union Européenne. Bruxelles: Commission Européenne.

Faure, E. (Org.) (1974). Aprender a Ser. Lisboa: Livraria Bertrand.

I.E.F.P. (2004). Situação do mercado de trabalho: Relatório anual – 2003. Lisboa: I.E.F.P., Direcção de Serviços de Estudos. Disponível em: http://portal.iefp.pt/pls/govportaliefp/docs/page/portal iefp internet/estatisticas/mercado emprego/relatorios anuais/ranual103.pdf

Machado dos Santos, S. (2001). As responsabilidades da Universidade na formação de agentes para o desenvolvimento. In A. Gonçalves, L. Almeida, R. Vasconcelos, & S. Caires (Eds.), Da Universidade para o Mundo do Trabalho: Desafios para um diálogo (pp. 13-39). Braga: Conselho Académico da Universidade do Minho.

Ministério da Ciência e do Ensino Superior (2003). Avaliação, revisão e consolidação da legislação do Ensino Superior. Lisboa: MCES, Documento de orientação. Disponível em http://www.crup.pt/ Ensino_Superior.htm

Moreira, A. (s/d). Sobre a Universidade. Documento de reflexão do CNAVES. Disponível em: http://168.144.195.227/cnaves1/DOCS/sobre_universidade.pdf

OCDE (2003). OECD Economic Surveys: Portugal (Vol. 2003, Issue 2).

OCES (2004). O sistema do Ensino Superior em Portugal 1993-2003. Lisboa: Ministério da Ciência, Inovação e Ensino Superior. Disponível em: http://www.oces.mces.pt/docs/ficheiros/SistEnsSup9303.pdf

ODES (2001). Apresentação do 1.º inquérito de percurso aos diplomados do Ensino Superior – 2001. Disponível em: http://www.inofor.pt/calendario/result_odes.html

Portugal, P. (2004). Mitos e factos sobre o mercado de trabalho português: A trágica fortuna dos licenciados. Banco de Portugal. Boletim Económico de Março, 73-80.

Rebelo, E. L., & Cândido, C. J. (2003). Investigação, in serção profissional e espírito empresarial. Cadernos de Economia, Abril/Junho, 42-45.

UNESCO (1998). World statistical outlook on higher education: 1980-1995. Paris: UNESCO. (62 pp.; ED.98/CONF.202/CLD.20.)

Veiga Simão, J., Machado dos Santos, S., & Costa, A. A. (2004). Resultados do estudo efectuado pelo grupo de trabalho para a reorganização da rede do Ensino Superior «Bolonha: Agenda para a excelência». Disponível em: http://www.portugal.gov.pt/Portal/ PT/Governos/Governos_Constitucionais/GC16/Mi nisterios/MCIES/Comunicacao/Publicacoes/20041 011_MCIES_Pub_Bolonha.htm

 

 

(*) Observatório Permanente para a Qualidade de Ensino, Universidade do Algarve.

Toda a correspondência relativa a este artigo deverá ser enviada para svaladas@ualg.pt

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons