SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número183Determinantes da mortalidade e da longevidade: Portugal numa perspectiva europeia (UE15, 1991-2001)A transição da fecundidade e o sistema de respostas múltiplas em Portugal índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Análise Social

versão impressa ISSN 0003-2573

Anál. Social  n.183 Lisboa abr. 2007

 

Dinâmicas e regimes migratórios: o caso das migrações internacionais em Portugal**

 

João Peixoto*

 

Neste texto são avaliadas as condições de mudança dos factos migratórios, que podem resultar de uma lógica de «etapas» e «regimes» ou, pelo contrário, revelar uma dinâmica irregular e sujeita a factores imprevistos de curto prazo. É mencionado, como exemplo, o caso português, com a passagem de uma fase de emigração para uma de imigração, mas com múltiplas irregularidades de evolução subjacentes.

Palavras-chave: migrações; mobilidade; regime migratório; demografia; Portugal.

 

Dynamiques et régimes migratoires: le cas des migrations internationales au Portugal

Ce texte évalue les conditions de changement des faits migratoires qui peuvent résulter d’une logique d’«étape» ou de «régime» ou, au contraire, révéler une dynamique irrégulière et sujette à des aléas de court terme. Il mentionne, en guise d’exemple, le cas portugais, par le passage d’une phase d’émigration à une phase d’immigration, mais où les irrégularités d’évolution sous-jacentes sont multiples.

Mots-clé: migrations; mobilité; régime migratoire; démographie; Portugal.

 

Migration types and dynamics: international migrations in Portugal

This article assess the conditions under which the facts of migration change. Migrations may be governed by a logic of «stages» and «types» or, by contrast, their dynamics may be irregular and subject to unforeseen shortterm factors. The article looks at Portugal as an example, in which an emigration phase has given way to an immigration phase, but where the underlying patterns of migration are highly uneven.

Keywords: migrations; forms of mobility; migration types; demography; Portugal.

 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

 

Bibliografia

Baganha, Maria Ioannis (1993), «Principais características e tendências da emigração portuguesa», in AAVV, Estruturas Sociais e Desenvolvimento, vol. i, Lisboa, Edit. Fragmentos/APS, pp. 819-835.         [ Links ]

Baganha, Maria Ioannis, e Peixoto, J. (1997), «Trends in the 90's: the Portuguese migratory experience», in Maria Ioannis Baganha (ed.), Immigration in Southern Europe, Oeiras, Celta Editora, pp. 15-40.

Baganha, Maria Ioannis, e Góis, P. (1998-1999), «Migrações internacionais de e para Portugal: o que sabemos e para onde vamos?», in Revista Crítica de Ciências Sociais, n.ºs 52-53, pp. 229-280.

Baganha, Maria Ioannis, Ferrão, J., e Malheiros, J. M. (orgs.) (2002), Os Movimentos Migratórios Externos e sua Incidência no Mercado de Trabalho em Portugal, Lisboa, Observatório do Emprego e Formação Profissional.

Bandeira, Mário Leston (1996a), Demografia e Modernidade. Família e Transição Demográfica em Portugal, col. «Análise Social», Lisboa, Imprensa Nacional-Casa da Moeda.

Bandeira, Mário Leston (1996b), «Teorias da população e modernidade: o caso português», in Análise Social, vol. xxxi (135), pp. 7-43.

Brettell, Caroline B., e Hollifield, James F. (eds.) (2000), Migration Theory — Talking across Disciplines, Nova Iorque, Routledge.

Castles, Stephen, e Miller, Mark J. (1998), The Age of Migration — International Population Movements in the Modern World, 2.ª ed., Londres, Macmillan.

Cavalheiro, Luís M. (2000), O Sector da Construção Civil Português: o Emprego e as Migrações para o Mercado de Trabalho Alemão, mestrado em Sociologia, Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.

Esteves, Maria Céu (org.) (1991), Portugal, País de Imigração, Lisboa, Instituto de Estudos para o Desenvolvimento.

Hunger, Uwe (2000), «Temporary transnational labour migration in an integrating Europe and the challenge to the German welfare state», in M. Bommes e A. Geddes (eds.), Immigration and Welfare: Challenging the Borders of the Welfare State, Londres, Routledge.

King, Russell, Lazaridis, G., e Tsardanidis, C. (eds.) (2000), Eldorado or Fortress? Migration in Southern Europe, Londres, Macmillan.

Malheiros, Jorge M. (2002), ««Nova» imigração e desenvolvimento regional: situação actual e oportunidades para as regiões portuguesas», in Cadernos Sociedade e Trabalho, n.º 2, pp. 69-87.

Malheiros, Jorge M., e Baganha, M. I. (2000), «Imigração ilegal em Portugal: padrões emergentes em inícios do século xxi», in Janus 2001 — Anuário de Relações Exteriores, Lisboa, Público e Universidade Autónoma de Lisboa, pp. 190-191.

Oliveira, Isabel (2003), O Declínio da Fecundidade em Portugal: o Sistema de Respostas Múltiplas, tese de doutoramento, Lisboa, FCSH, UNL.

ONU (2000), Replacement Migration: Is It a Solution to Declining and Ageing Populations?, Nova Iorque, ONU.

Peixoto, João (1999), «A emigração», in F. Bethencourt e K. Chaudhuri (dir.), História da Expansão Portuguesa, vol. v, Último Império e Recentramento (1930-1998), s. l., Círculo de Leitores, pp. 152-181.

Peixoto, João (2004a), «O impacto migratório do alargamento da União Europeia a leste — a perspectiva europeia e a de Portugal», in Maria Paula Fontoura e Nuno Crespo (orgs.), O Alargamento da União Europeia — Consequências para a Economia Portuguesa, Oeiras, Celta Editora, pp. 105-122.

Peixoto, João (2004b), «País de emigração ou país de imigração? Mudança e continuidade no regime migratório em Portugal», in AAVV, Actas das Quintas Jornadas de História Local, Fafe, Câmara Municipal de Fafe, pp. 95-120.

Peixoto, João, et al. (2005), O Tráfico de Migrantes em Portugal: Perspectivas Sociológicas, Jurídicas e Políticas, Lisboa, ACIME.

Peixoto, João (2007), «Dynamiques migratoires: les conditions du changement», in AIDELF, Les migrations internationales: observation, analyse et perspectives, Paris, AIDELF/PUF, pp. 351-354.

Piore, Michael J. (1979), Birds of Passage. Migrant Labor and Industrial Societies, Cambridge, Cambridge University Press.

Pires, Rui Pena (2003), Migrações e Integração — Teoria e Aplicações à Sociedade Portuguesa, Oeiras, Celta Editora.

Zelinsky, Wilbur (1971), «The hypothesis of the mobility transition», in The Geographical Review, vol. 61, n.º 2, pp. 219-249.

 

 

* Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade Técnica de Lisboa.

** Algumas das secções deste texto foram já apresentadas pelo autor anteriormente. A secção sobre «dinâmicas e regimes migratórios» incorpora alguns elementos apresentados na introdução à sessão «Les dynamiques migratoires: conditions de changement», organizada pelo autor, no âmbito do colóquio internacional «Les migrations internationales: observation, analyse et perspectives», promovido pela Association Internationale de Démographes de Langue Française (AIDELF), em Budapeste, Setembro de 2004. A secção sobre «dinâmicas migratórias em Portugal» inclui excertos de uma comunicação apresentada nas 5.ªs Jornadas de História Local, «Migrações: história, economia e encontro de culturas», organizadas pela Câmara Municipal de Fafe em Novembro de 2003. Ambas as comunicações foram publicadas nas actas desses encontros (v. Peixoto, 2007 e 2004b). Desejo agradecer aos meus colegas da organização e aos participantes no colóquio da AIDELF, bem como aos participantes nas jornadas de história local, as contribuições para ambas as secções e aos meus colegas da direcção da Associação Portuguesa de Demografia a ocasião e o estímulo para a publicação deste texto.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons