SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número4Pólipo de Prolapso Mucoso Mimetizando Neoplasia Retal: Relato de Caso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


GE-Portuguese Journal of Gastroenterology

versão impressa ISSN 2341-4545

Resumo

ABREU, Marlene et al. Esofagite Cáustica Com Estenose: Um Caso Clínico de Dilatação Endoscópica Com Stent Dinâmico. GE Port J Gastroenterol [online]. 2016, vol.23, n.4, pp.218-223. ISSN 2341-4545.  http://dx.doi.org/10.1016/j.jpge.2015.12.006.

Introdução: O tratamento das estenoses esofágicas tem evoluído desde a correção cirúrgica, à dilatação endoscópica e, mais recentemente, à colocação de stents esofágicos. Caso clínico: Descrevemos o caso de um doente que aos dois anos ingeriu acidentalmente um cáustico e desenvolveu duas estenoses esofágicas recidivantes. Após numerosas dilatações endoscópicas e aplicação tópica de mitomicina, ao fim de três anos, foi decidido colocar um stent dinâmico, desenvolvido pela Unidade de Cirurgia e Endoscopia do Hospital Bambino Gesù, Roma. O dispositivo consiste numa sonda nasogástrica com uma área de maior calibre (stent) que foi posicionada por via endoscópica na zona das estenoses e fixada por via nasal. O dispositivo foi retirado passadas sete semanas com melhoria clínica sustentada (ausência de disfagia mais de um ano após). Conclusão: Este caso demonstra que o “stent” dinâmico é tecnicamente simples e permite evitar uma solução cirúrgica mutilante em casos de estenose esofágica de difícil controlo.

Palavras-chave : Dilatação; Endoscopia Gastrointestinal; Estenose Esofágica.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons