SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número1Acuidade Diagnóstica da Elastografia em Tempo Real na Avaliação de Fibrose Avançada na Hepatite C Crónica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


GE-Portuguese Journal of Gastroenterology

versão impressa ISSN 2341-4545

Resumo

OLIVEIRA, Ana Maria et al. A Amplitude de Distribuição dos Glóbulos Vermelhos (RDW) Pode Ser Considerado Como um Marcador da Atividade da Doença de Crohn?. GE Port J Gastroenterol [online]. 2016, vol.23, n.1, pp.6-12. ISSN 2341-4545.  http://dx.doi.org/10.1016/j.jpge.2015.10.003.

Introdução: Recentemente, tem vindo a ser sugerida uma associação entre o valor de RDW e a atividade da doença de Crohn (DC), mas a sua utilização não está ainda implementada na prática clínica diária. Objetivos: Determinar se o RDW pode ser utilizado como marcador de atividade da DC. Métodos: Estudo transversal, em doentes com DC, observados consecutivamente em consulta de Doença Inflamatória Intestinal, entre 1 de Janeiro e 30 de Setembro de 2013. Analisaram-se índices do hemograma, proteína C reativa e velocidade de sedimentação. A gravidade da doença foi avaliada pelo Crohn’s disease activity index (doença ativa se CDAI≥150). As associações foram estudadas usando a regressão logística (SPSS Statistics V20). Resultados: Incluídos 119 doentes (56% do sexo feminino), com idade média de 47 anos (DP 15,2 anos). Vinte doentes (17%) tinham doença ativa. O valor do RDW mediano foi 14,0% (13-15). Verificou-se uma associação entre RDW e atividade da doença (p = 0.044). Após ajuste para a idade e o sexo, esta associação manteve-se consistente (OR 1,20; 95% CI 1,03-1,39; p = 0,016). Verificou-se ainda que a associação do valor do RDW com a atividade da doença foi independente do valor da hemoglobina e da velocidade de sedimentação (OR 1,36; 95% CI 1,08-1,72; p = 0,01) e da terapêutica biológica (OR 1,19; 95% CI 1,03-1,37; p = 0,017). Para um valor de corte de RDW de 16%, a especificidade e o valor preditivo negativo de CDAI≥ 150 foram de 88% e 86%, respetivamente. Conclusão: Neste estudo, o valor do RDW demonstrou ser um marcador independente e relativamente específico da atividade da doença de Crohn. Estes resultados poderão contribuir para a aplicação deste parâmetro simples, na prática clinica diária, visando auxiliar decisões terapêuticas.

Palavras-chave : Doença de Crohn; Índices de Eritrócitos.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons