SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 número34O discurso publicitário que incita o medo e a superstiçãoA publicidade com o argumento na origem. Uma abordagem exploratória das marcas cidade do Porto e Vinho do Porto índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Media & Jornalismo

versão impressa ISSN 1645-5681versão On-line ISSN 2183-5462

Resumo

ROCHA, Everardo  e  AUCAR, Bruna. A publicidade no Brasil: identidades profissionais e organização do trabalho nas agências. Media & Jornalismo [online]. 2019, vol.19, n.34, pp.169-180. ISSN 1645-5681.  http://dx.doi.org/10.14195/2183-5462_34_12.

Este trabalho pretende realizar uma interpretação do mundo da publicidade e das identidades profissionais nele negociadas através da teoria da ação coletiva de Howard Becker. O objetivo é pensar as várias funções e denominações corporativas elaboradas dentro de uma agência de propaganda no Brasil. Os elos cooperativos e redes de convenções estabelecidos no campo foram determinantes para o reconhecimento da profissão e para a materialização desse tipo específico de comunicação. Atores sociais e suas ações são partes determinantes da produção do conhecimento e da construção das identidades em um determinado sistema social. Neste sentido, é possível entender o discurso que a publicidade deposita na cultura, analisando o resultado da ação conjunta e coordenada de identidades profissionais cuja colaboração é necessária para que o trabalho se realize.

Palavras-chave : publicidade; agências brasileiras; identidades profissionais; ação coletiva; Howard Becker.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons