SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34Globalisation, cultural diversity and Lusophony: trans-spatial circulation of Portuguese speech and its relationship with other speechesPortuguese-speaking countries and the challenge of a technological circumnavigation author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Comunicação e Sociedade

Print version ISSN 1645-2089On-line version ISSN 2183-3575

Abstract

BORGES, Rovênia  and  AFONSO, Almerindo Janela. Why subaltern language? Yes, we speak Portuguese!: Para uma crítica da colonialidade da língua na mobilidade estudantil internacional. Comunicação e Sociedade [online]. 2018, vol.34, pp.59-72. ISSN 1645-2089.  http://dx.doi.org/10.17231/comsoc.34(2018).2935.

Comunicar fluentemente em língua inglesa, possibilidade vulgarmente associada à condição de classe social e à posse de outros bens posicionais, tornou-se uma das principais vantagens competitivas para participar de programas de estudo e de pesquisa em universidades bem localizadas nos rankings académicos. A nível mais geral, face às desigualdades sociais e educacionais, nomeadamente em Portugal e no Brasil, a hegemonia da língua inglesa constitui um obstáculo para os países de língua portuguesa que investem em políticas de internacionalização para a qualificação avançada de pesquisadores em áreas científicas, nomeadamente naquelas que induzem inovação e trazem mais-valias para a economia do conhecimento. Sob perspetiva comparada, e tendo em conta alguns pressupostos das teorias críticas pós-coloniais, este artigo faz uma reflexão sobre como as políticas da língua inglesa nos países acima referidos contribuem para reforçar desigualdades e desvantagens para muitos candidatos a programas de mobilidade científica internacional.

Keywords : Língua inglesa; Brasil/Portugal; internacionalização; desigualdades; colonialidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License