SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número123O antinarciso no século xxi – A questão ontológica na filosofia e na antropologia índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Crítica de Ciências Sociais

versão On-line ISSN 2182-7435

Resumo

PETERS, Gabriel. A virada praxiológica. Revista Crítica de Ciências Sociais [online]. 2020, n.123, pp.167-188. ISSN 2182-7435.  http://dx.doi.org/10.4000/rccs.11308.

O artigo examina a “virada praxiológica” nas ciências sociais da segunda metade do século xx, virada manifesta em teorias que, a despeito de suas discordâncias quanto a questões diversas, se ancoram todas em uma ontologia processual que toma o mundo social como domínio de práticas. Concentrando-se nas semelhanças, mais do que nas diferenças, entre as variadas vertentes de praxiologia, o artigo oferece uma pintura ideal-típica da virada praxiológica na teoria social. Partindo de suas fontes filosóficas na fenomenologia existencial e na pragmática da linguagem, o texto trata de sete postulados presentes, ainda que sob diferentes roupagens, nas teorias praxiológicas de autores como Giddens, Garfinkel, Taylor, Bourdieu e Latour. Como “guinadas internas” que se combinam na praxiologia, aqueles postulados incluem as viradas existencial, culturalista, habitual, corporal, objetal, intersubjetivista e multidimensional.

Palavras-chave : Anthony Giddens; culturalismo; Pierre Bourdieu; praxiologia; teoria social.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons