SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número especial 4Saúde mental no atendimento pré-hospitalar móvel: Concepções de profissionais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental

versão impressa ISSN 1647-2160

Resumo

MOTA, Amanda dos Santos; SILVA, Ana Lúcia Abrahão da  e  SOUZA, Ândrea Cardoso de. Educação permanente: Práticas e processos da enfermagem em saúde mental. Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental [online]. 2016, n.spe4, pp.9-16. ISSN 1647-2160.  http://dx.doi.org/10.19131/rpesm.0135.

CONTEXTO: Com a Reforma Psiquiátrica brasileira, o processo de trabalho da equipe de enfermagem se deparou com novas convocações no sentido de valorizar o relacionamento terapêutico, aumentando a capacidade de escuta e de diálogo com os usuários. OBJETIVO: Analisar o processo de Educação Permanente (EP) em um hospital psiquiátrico, a partir da dinâmica do trabalho da equipe de enfermagem. METODOLOGIA: Pesquisa descritiva, qualitativa, do tipo intervenção, em que foram empregadas a observação, diário de campo e acompanhamento do grupo. Participaram deste estudo 27 pessoas, sendo a maioria enfermeiros e técnicos de enfermagem que frequentavam o grupo de EP, entre o período de outubro de 2012 a abril de 2013, totalizando oito encontros. Os critérios de inclusão dos participantes foram: possuir vínculo empregatício com o hospital; atuar na profissão de enfermagem há mais de um ano; frequentar regularmente o espaço do grupo de discussão. Os critérios de exclusão foram: profissionais sem experiência no campo da saúde mental e profissionais externos ao hospital. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo temática. Esta pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética e Pesquisa do Hospital Universitário Antônio Pedro, da Universidade Federal Fluminense, tendo sido aprovado sob n°125.286. RESULTADOS: Após a análise do material foram elencadas as seguintes categorias: (i) Ser ouvido; (ii) A dinâmica processual do trabalho em saúde. CONCLUSÕES: Há dificuldades para a equipe de enfermagem se fazer presente no espaço de EP, tanto pela própria resistência em se permitir ocupar outros lugares, quanto pelos demais membros da equipe.

Palavras-chave : Educação continuada; Enfermagem psiquiátrica; Ambiente de trabalho.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons