SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número especial 2Avaliação do padrão de uso do álcool entre moradores de uma região socialmente vulnerávelPrioridades de investigação em saúde mental e a transformação do modelo assistencial índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental

versão impressa ISSN 1647-2160

Resumo

TOMAS, Catarina; QUEIROS, Paulo  e  RODRIGUES, Teresa. Impacto da literacia em saúde nos comportamentos promotores de saúde em gestão de stresse em adolescentes. Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental [online]. 2015, n.spe2, pp.101-106. ISSN 1647-2160.

CONTEXTO: Apesar de não demonstrada a relação causal entre uma limitada literacia em saúde e comportamentos promotores de saúde, resultados de investigação permitem afirmar que o desenvolvimento de literacia em saúde permite a promoção deste tipo de comportamentos. OBJETIVO(S): Pretendeu-se conhecer os níveis de literacia em saúde e comportamentos promotores de saúde em gestão de stresse numa amostra de adolescentes portugueses, bem como conhecer o impacto da literacia em saúde nos comportamentos promotores de saúde em gestão de stresse, nessa mesma amostra. METODOLOGIA: Realizou-se um estudo quantitativo, descritivo-correlacional, transversal. A amostra selecionada compreendeu 1215 adolescentes, com idade entre os 14 e os 20 anos, de ambos os sexos, a frequentar o ensino secundário no distrito de Leiria. Os dados foram recolhidos através de um questionário de autopreenchimento, constituído por questões sociodemográficas, a Adolescent Health Promotion Scale e o Instrumento de Avaliação da Literacia em Saúde. RESULTADOS: Encontraram-se bons níveis de literacia em saúde e comportamentos promotores de saúde em gestão de stresse na amostra. Encontraram-se correlações estatisticamente significativas entre os dois conceitos, sendo parte da variância dos comportamentos promotores de saúde em gestão de stresse explicada pelos níveis de literacia em saúde nesta área. CONCLUSÕES: A amostra apresenta bons níveis de literacia em saúde e de comportamentos promotores de saúde em gestão do stresse, tendo sido encontrada uma relação de causalidade entre os conceitos no grupo estudado.

Palavras-chave : Literacia em saúde; Comportamento de saúde; Stresse; Adolescente.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )