SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número especial 1Bullying escolar e avaliação de um programa de intervençãoIndicadores de saúde mental como fatores preditores de fragilidade nos idosos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental

versão impressa ISSN 1647-2160

Resumo

CUNHA, Madalena; CHIBANTE, Rosa  e  ANDRE, Suzana. Suporte social, empowerment e doença crónica. Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental [online]. 2014, n.spe1, pp.21-26. ISSN 1647-2160.

CONTEXTO: O empowerment é uma filosofia exigível às pessoas com doença crónica como a diabetes de forma a superar as exigências da convivência diária com a própria doença. Por sua vez, o apoio social é um recurso cujo suporte informativo, emocional e instrumental, assume um papel de relevo na promoção da autogestão da doença crónica, contribuindo para o desenvolvimento da capacitação das pessoas para ultrapassar os obstáculos com que se deparam no seu dia-a-dia. OBJETIVO: Avaliar se o apoio social prediz o empowerment. METODOLOGIA: O estudo descritivo foi realizado numa amostra não probabilística constituída com 150 pessoas com diabetes acompanhadas em unidades de saúde de cuidados de saúde primários, na Consulta de Diabetes. A média de idades foi de 66,85 anos, a maioria casados/em união de facto, aposentados, com prevalência do 1º ciclo do ensino básico. Na colheita de dados utilizou-se o Diabetes Empowerment Scale (Anderson, Funnell, Fitzgerald & Marrero, 2000) e a Escala de Apoio Social (Matos e Ferreira, 2000). RESULTADOS: A maioria dos participantes pontuou com elevado empowerment e que o apoio social foi percecionado como bom. A escolaridade e a profissão estão positivamente relacionados com o empowerment. O apoio social revelou-se um preditor positivo da capacitação, explicando 17,1% da sua variabilidade, constatando-se que quanto melhor o apoio social, maior a capacitação manifestada pelas pessoas com diabetes. CONCLUSÕES: Englobar a gestão dos recursos de apoio social na Consulta de Enfermagem/Diabetes assume-se como uma estratégia promotora do empoderamento/capacitação das pessoas com diabetes.

Palavras-chave : Poder (Psicologia); Apoio social; Diabetes mellitus.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )