SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número10Relaxamento: Estratégia de intervenção no stressPromoção da saúde mental: Ações dos enfermeiros inseridos na atenção primária índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental

versão impressa ISSN 1647-2160

Resumo

MARTINS, Sónia; SIMOES, Mário R.  e  FERNANDES, Lia. O impacto do delirium na família/cuidadores. Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental [online]. 2013, n.10, pp.43-48. ISSN 1647-2160.

CONTEXTO: O delirium surge como experiência bastante traumática, não só para os doentes, mas também para os familiares e/ou cuidadores. OBJECTIVO: Analisar e sintetizar os estudos existentes sobre o nível de stress provocado pelo delirium nos familiares e/ou cuidadores. METODOLOGIA: Revisão não sistemática da literatura, de artigos publicados na PubMed (2000 a 2012), cruzando o termo "delirium" com "distress", "impact" e "family", "caregiver", "relatives". Foram considerados como critérios de inclusão: diagnóstico de delirium padronizado e/ou instrumento de avaliação e ponderação do nível de stress de uma forma sistemática em familiares de doentes adultos/idosos com delirium. Os estudos em língua não inglesa e de casos clínicos foram excluídos. RESULTADOS: De trinta e oito artigos identificados inicialmente, foram considerados onze para análise. De um modo geral, as famílias (sobretudo os mais jovens e do sexo masculino) revelaram níveis de stress bastante elevados e mesmo superiores aos registados para os profissionais de saúde e para os doentes, estando associados a diversos factores, como agravamento do estado de saúde do doente e presença de agitação psicomotora. Além disso, a família interpretava esta experiência como um sinal de aproximação da morte, resultado de dor/desconforto ou dos efeitos de medicação. Verificou-se ainda uma relação entre o delirium e a presença de ansiedade generalizada nestes familiares. CONCLUSÕES: As repercussões negativas associadas ao delirium, apontam para a necessidade de desenvolvimento de intervenções de suporte dos familiares, bem como a avaliação da sua eficácia, nomeadamente quanto aos elevados níveis de stress identificados.

Palavras-chave : Delirium; Família; Cuidador; Stress psicológico.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )