SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 issue44Ruptured biliary cyst with biliary peritonitis: a case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Revista Portuguesa de Cirurgia

Print version ISSN 1646-6918

Abstract

PINTO, José et al. GIST e linfoma folicular em associação rara: caso incomum de oclusão intestinal. Rev. Port. Cir. [online]. 2018, n.44, pp.7-12. ISSN 1646-6918.

Os GISTs são tumores do estroma considerados esporádicos. Contudo há cada vez mais estudos que descrevem a associação entre estas neoplasias e o aparecimento de outros tumores. A associação de GIST a linfomas é particularmente rara porque a via molecular no seu desenvolvimento não é, em nada, comum. Os autores fazem uma revisão do tema e documentam um caso de associação GIST-linfoma folicular partindo de um relato de caso clínico de um homem, 79 anos, laparotomizado em Março de 2013 por massa intra-abdominal de etiologia incerta, mas que vinha provocando quadros de sub-oclusão, dor e desconforto abdominal em agravamento. A histologia documentou a presença de uma associação na massa tumoral ressecada de um GIST de alto risco a um linfoma folicular. Os GISTs são raros e têm associações esporádicas a outras neoplasias. Esta ligação mal compreendida pode esconder surpresas diagnósticas, que nunca se deve excluir quando abordamos este tipo de tumor. Os pacientes com GIST são, portanto, o exemplo claro que todos os doentes devem ser bem estudados no pré-operatório e seguidos cautelosamente no período pós-operatório.

Keywords : linfoma folicular; tumor do estroma gastrintestinal; GIST; sub-oclusão.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License