SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número18Arte no ensino fundamental: (reidade), currículo fragmentado, polivalência e equipe multiartísticaSatisfação escolar e bem-estar psicológico em adolescentes portugueses índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Lusófona de Educação

versão impressa ISSN 1645-7250

Resumo

GRANJA, Ana Maria Andeiro; COSTA, Nilza  e  REBELO, José. A Escola: (também) um espaço de afectos. Rev. Lusófona de Educação [online]. 2011, n.18, pp.141-153. ISSN 1645-7250.

"Estamos educando a nuestros jóvenes en la totalidad de su ser, em todas sus potencialidades?" (Ramos, 2001, p.15) Esta questão, colocada pelo autor na introdução do seu livro Educación Integral: una educación holística para el siglo XXI, pela sua pertinência e abrangência, merece uma reflexão profunda por parte de todos aqueles para quem as questões da educação fazem parte da sua agenda pessoal e profissional. Com este texto pretende-se dar um contributo para esse exercício reflexivo. Se pela educação se pretende promover o desenvolvimento integral e harmonioso do educando, é imperativo assumir a interdependência entre os processos cognitivos e afectivos e, como tal, equacionar o papel dos afectos na relação pedagógica e na profissionalidade docente.

Palavras-chave : afectividade; educação holística; profissionalidade docente; relação pedagógica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )