SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número2Intervenção em grupo para mulheres com endometrioseA recidiva em oncologia pediátrica a partir da perspectiva dos profissionais índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Psicologia, Saúde & Doenças

versión impresa ISSN 1645-0086

Resumen

CASTRO, Maria Cristina; ROCHA, Ricelli  y  CRUZ, Roberto. Saúde mental do policial brasileiro: tendências teórico-metodológicas. Psic., Saúde & Doenças [online]. 2019, vol.20, n.2, pp.525-541. ISSN 1645-0086.  http://dx.doi.org/10.15309/19psd200220.

Características do trabalho policial, assim como seu processo de institucionalização e representação social, constituem aspectos relevantes à investigação da saúde mental de policiais. Produzir evidências e interpretá-las, á luz referenciais teóricos consolidados ou emergentes é um desafio na literatura especializada. O objetivo deste estudo foi sistematizar as tendências teórico-metodológicas nos estudos sobre saúde mental de policiais brasileiros. Foi realizado uma revisão da literatura nas bases de dados Scielo, PePsic, BVS-Psi, Lilacs e PsycINFO (janeiro de 2001 a dezembro de 2017). Foram incluídos estudos: originais, realizados no Brasil, com desfecho principal a saúde mental de policiais civis, militares, federais e guardas municipais em idiomas português e inglês. A análise final foi composta 47 artigos. As ênfases teórico-metodológicas concentram-se em estudos epidemiológicos, psicodinâmicos e baseados na teoria do estresse. A maioria dos estudos relaciona a saúde mental do policial à carga psicológica diária enfrentada nas rotinas de controle e contenção da violência, com repercussões na qualidade dos vínculos profissionais, na percepção de risco, na saúde e na família. Associados a esses aspectos estão os problemas decorrentes das condições de trabalho, que tendem a maximizar dificuldades para o exercício da atividade policial, na precariedade dos equipamentos, restrições à capacitação e os baixos salários. A saúde mental do policial brasileiro é pouco enfatizada em termos preventivos, o que torna relevante e necessário fundamentar políticas e programas nessa direção.

Palabras clave : policiais; saúde mental; estresse; trabalho.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons