SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue3Winnicott and the challenge in care of elderly patients with confusional state author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Psicologia, Saúde & Doenças

Print version ISSN 1645-0086

Abstract

RODRIGUES, Angela et al. Proteção solar em crianças e jovens portugueses: um estudo transversal. Psic., Saúde & Doenças [online]. 2014, vol.15, n.3, pp.828-841. ISSN 1645-0086.  http://dx.doi.org/10.15309/14psd150321.

Os problemas de saúde relacionados com a exposição solar têm vindo a aumentar nas últimas décadas. Por esta razão, a promoção de comportamentos de proteção solar tem-se tornado crucial, especialmente em crianças e jovens dado tratar-se de uma população de maior risco face a problemas de pele causados pelo sol. Este estudo analisou 810 jovens entre os 10 e os 16 anos e teve como objetivo descrever crenças e comportamentos acerca da proteção solar, assim como analisar diferenças entre sexos e diferentes faixas etárias. Os resultados demonstram que de uma forma geral os participantes apresentaram bons conhecimentos e têm comportamentos adequados. No entanto, os rapazes revelam menos conhecimentos e comportamentos protetores. Por sua vez, apesar das crianças mais novas terem menos conhecimentos, estas apresentam melhores comportamentos comparadas com as faixas etárias mais velhas. Assim, a fim de aumentar a eficácia das intervenções na proteção solar, este estudo demonstra que é importante que estas sejam adaptadas a estas diferenças entre rapazes e raparigas, bem como às diferentes faixas etárias.

Keywords : Protetor Solar; Prevenção do Cancro; Crianças; Adolescentes; Conhecimento.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )