SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número3Perfis parentais com base nas práticas educativas e alimentares: análises por agrupamentoEstado psicológico, alimentação, qualidade de vida de candidatos a cirurgia da obesidade índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia, Saúde & Doenças

versão impressa ISSN 1645-0086

Resumo

PATRAO, Ana Luísa; MCINTYRE, Teresa  e  COSTA, Eleonora. Características psicométricas da self-esteem scale em mulheres moçambicanas em risco sexual. Psic., Saúde & Doenças [online]. 2014, vol.15, n.3, pp.698-706. ISSN 1645-0086.  http://dx.doi.org/10.15309/14psd150311.

Neste estudo descrevemos os resultados da avaliação das características psicométricas do Self-Esteem Scale (SES) (Rosenberg, 1965) numa amostra de mulheres moçambicanas em risco sexual para o VIH/SIDA. Participaram nesta investigação 173 mulheres em risco sexual (M idade = 24,68; DP = 5,55), recrutadas no Serviço de Ginecologia do Hospital Central da Beira (Moçambique), pelos próprios ginecologistas, de acordo com critérios clínicos pré-definidos. A SES apresentou elevados níveis de consistência interna na amostra em estudo (Alfa de Cronbach de 0,87) e correlação significativa com a escala de auto-eficácia geral (r=0,19, p=0,01), o que lhe confere validade convergente. Assim, a SES demonstrou possuir boas características psicométricas nesta amostra moçambicana. No entanto, realça-se o facto destes resultados não serem conclusivos em termos de validação da escala em Moçambique, embora se revele um importante instrumento em termos de intervenção e investigação no âmbito da avaliação psicológica e da promoção da saúde feminina neste contexto.

Palavras-chave : auto-estima; VIH/SIDA; feminino; vulnerabilidade africana.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )