SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 número1Questionário de Confiança Parental: Análise fatorial confirmatória numa amostra comunitária de casaisRelação entre percepção de carga e risco de manuseio em idosos dependentes índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia, Saúde & Doenças

versão impressa ISSN 1645-0086

Resumo

MOTTA, Claudia dos Reis et al. O que Residentes de pediatria sabem sobre os fatores psicológicos na constipação?. Psic., Saúde & Doenças [online]. 2013, vol.14, n.1, pp.38-52. ISSN 1645-0086.

O objetivo do presente estudo foi avaliar o conhecimento de Residentes de pediatria sobre prisão de ventre e fatores psicológicos associados. Estudo descritivo transversal com 42 residentes de Salvador, Brasil, com questionário sobre diagnóstico, terapêutica, complicações e fatores relacionados. Os resultados mostram que 95,2% citaram dieta como fator determinante da constipação, 26,6% doenças orgânicas, 38,0% fatores emocionais dos pais, e 23,8%, na criança. Aspectos associados mencionados: ambiente familiar agressivo/abuso sexual (88,1%), crise parental (66,7%), medo/ansiedade (78,6%), controle materno. Como indicadores para psicoterapia 76,1% aspectos psicoafetivos. Quanto ao tratamento 97,6% indica mudança dietética. Todos desejam mais informações sobre a CIF. Devem ser desenvolvidos programas educacionais multidisciplinares desde a graduação até a residência médica em Pediatria.

Palavras-chave : constipação intestinal; conhecimento; residência médica; psicoterapia.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )