SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.7 número2Construção e validação de uma escala de representações sociais do consumo de álcool e drogas em adolescentesPráticas parentais, escola e consumo de substâncias em jovens índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia, Saúde & Doenças

versão impressa ISSN 1645-0086

Resumo

GASPAR, Tania et al. Comportamentos sexuais, conhecimentos e atitudes face ao VIH/Sida em adolescentes migrantes . Psic., Saúde & Doenças [online]. 2006, vol.7, n.2, pp.299-316. ISSN 1645-0086.

O presente trabalho visa compreender e caracterizar os factores ligados aos risco e factores ligados à protecção e aos cenários que envolvem o adolescente no âmbito dos comportamentos sexuais, conhecimentos e atitudes face ao VIH/sida nos adolescentes migrantes, através da perspectiva dos jovens, pais e dos técnicos de intervenção. Foi utilizada uma metodologia mista, utilizando métodos quantitativos e qualitativos. Numa primeira abordagem quantitativa foi utilizado uma adaptação do questionário do estudo nacional HBSC (Currie et al., 2000; Matos et al., 2003), aplicado a uma amostra de 1037 adolescentes, com média de idade de 15.5 anos, residentes em zona carenciadas e com elevado número de população migrante oriunda dos PALOP. Posteriormente foi utilizada uma abordagem qualitativa, (grupos focais ou grupos de discussão centrados no tema), comportamentos sexuais e conhecimentos e atitudes face ao VIH/sida nos adolescentes migrantes, relacionando-o com os "cenários" do adolescente e com outros comportamentos associados, e também na intervenção comunitária que é realizada neste âmbito. Através do discurso de jovens africanos, dos pais e dos técnicos de intervenção que trabalham com eles, pretendeu-se clarificar a questão dos comportamentos sexuais de risco e de conhecimentos e atitudes face ao VIH/Sida nos adolescentes migrantes que vivem em Portugal. Foi efectuada uma análise de conteúdo, e para cada categoria e cada sub-categoria foram apresentados exemplos ilustrativos do discurso dos participantes. A presente investigação fornece informação relevante, no âmbito da intervenção, visando abranger a cultura, os factores socioeconómicos, as competências sociais e pessoais, a ocupação de tempos livres, o empowerment dos adolescentes e da comunidade envolvida, o trabalho em parceria e as boas práticas.

Palavras-chave : Adolescência; Comportamentos sexuais; Conhecimentos e atitudes face ao VIH/Sida; Factores ligados à protecção; Grupo focal; Multiculturalidade.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )