SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.4 número1A construção de um instrumento de avaliação das emoções para a anorexia nervosaEstudo de validação do questionário de avaliação da sobrecarga para cuidadores informais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia, Saúde & Doenças

versão impressa ISSN 1645-0086

Resumo

SOUSA, Sheila Cristina B. de  e  PIRES, António A.P.. Comportamento materno em situação de risco: mães de crianças com paralisia cerebral. Psic., Saúde & Doenças [online]. 2003, vol.4, n.1, pp.111-130. ISSN 1645-0086.

O objectivo desta investigação é construir uma teoria explicativa sobre o comportamento materno de mães de crianças com Paralisia Cerebral. Foram contactadas quatro mães de crianças com Paralisia Cerebral, com idades compreendidas entre um e três anos e cujo tempo de diagnóstico varia entre os onze meses e os três anos. Os dados foram recolhidos através de entrevista não-estruturada e analisados pelo método da Grounded Theory. A preocupação principal destas mães está relacionada com incerteza que envolve o futuro destas crianças. A maneira encontrada para fazer frente a esta preocupação é o investimento na reabilitação da criança, directamente influenciado pelas expectativas maternas e tendo como características a aprendizagem constante, a disponibilidade total, a exigência, a multifuncionalidade materna e a luta em prole da criança. Este processo social básico afecta grandemente toda a forma de viver destas mães e ilustra, de certa forma, a batalha materna interior entre a força e a depressão, entre os bons e os maus dias.

Palavras-chave : Comportamento parental; Criança; Mãe; Paralisia cerebral.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )