SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número36Violência no Namoro na Escola Superior de Educação de LisboaPara uma visão complexa do bullying homofóbico: Desocultando o quotidiano da homofobia nas escolas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Ex aequo

versão impressa ISSN 0874-5560

Resumo

RODRIGUEZ, Maria Salvia. Armários de papel: heterossexismo em manuais de espanhol como língua estrangeira. Ex aequo [online]. 2017, n.36, pp.99-115. ISSN 0874-5560.  http://dx.doi.org/10.22355/exaequo.2017.36.06.

Este trabalho visa analisar a representação da sexualidade nos manuais de espanhol como língua estrangeira (ELE) e, sobretudo, evidenciar o papel que eles desenvolvem na transmissão e perpetuação (direta ou indiretamente) de estereótipos e valores heterossexistas e LGBTfóbicos. Foi selecionado um corpus representativo e atual dos métodos de espanhol como língua estrangeira, com o objetivo de descrever e examinar o tratamento dos conteúdos linguísticos. A investigação é complementada com uma fundamentação teórica que explora questões como o valor da outredade nos documentos curriculares - Quadro europeu comum de referência para as línguas (QECR) e Plano Curricular do Instituto Cervantes (PCIC) -, a importância dos fatores afetivos para a aprendizagem de idiomas e, especialmente, o potencial subversivo da pedagogia queer.

Palavras-chave : Teoria queer; orientação sexual; LGBT; espanhol como língua estrangeira; manuais escolares.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons