SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número32As mulheres jovens em espanha: (Novas) precariedades e (velhas) desigualdadesA patologização da diversidade sexual: uma análise crítica do DSM índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Ex aequo

versão impressa ISSN 0874-5560

Resumo

VIEIRA, Catarina; SAAVEDRA, Luísa  e  ARAUJO, Alexandra M.. Preservando a relação com os/as descendentes menores: padrões de comunicação na maternidade e paternidade em reclusão. Ex aequo [online]. 2015, n.32, pp.141-154. ISSN 0874-5560.

Tendo em conta o elevado número de pais e mães em reclusão e comprovada a importância da comunicação entre progenitores/as em reclusão e seus/suas descendentes, o presente estudo visou avaliar a frequência de comunicação estabelecida entre pais e mães em reclusão e seus/suas descendentes menores, a perceção da qualidade da relação e a competência parental percebida por parte destas figuras. Foi administrado um questionário, construído para o efeito deste estudo, a 100 mães e 100 pais a cumprirem pena prisional. Para além dos maiores obstáculos enfrentados pelas mães devido à maior distância geográfica dos descendentes, os resultados registam, também, diferenças relativas aos papéis socialmente atribuídos à maternidade e paternidade.

Palavras-chave : pais/mães encarcerados; obstáculos à comunicação; qualidade da relação percebida; competência parental percebida; visitas prisionais.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons