SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIV número22Necessidade real do doente: perceção de pessoas com ostomias intestinais sobre os fatores associados às complicaçõesPadrão do consumo de álcool entre trabalhadores de uma universidade pública brasileira índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista de Enfermagem Referência

versão impressa ISSN 0874-0283

Resumo

POEIRA, Ana Filipa da Silva; MAMEDE, Ricardo Nuno Ferreira Paes  e  MARTINS, Maria Manuela Ferreira Pereira da Silva. Os preditores à mudança de profissão de Enfermagem. Rev. Enf. Ref. [online]. 2019, vol.serIV, n.22, pp.73-83. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIV19010.

Enquadramento: A predisposição dos enfermeiros para mudar de profissão enquadra-se na rotatividade em enfermagem. Compreender os motivos que levam os enfermeiros a querer mudar de organização ou até mesmo abandonar a profissão é fundamental, visto que essa movimentação traz consigo implicações negativas no grupo de trabalho e na organização. Objetivo: Determinar a propensão para o abandono da profissão de enfermagem. Metodologia: Estudo descritivo, correlacional, transversal e quantitativo. A amostra, do tipo não-probabilístico, é constituída por 463 enfermeiros acedidos mediante a técnica de snowball. Resultados: São os enfermeiros com idades inferiores a 40 anos e a desempenhar funções no setor público que apresentam maior vontade de abandonar a profissão de enfermagem. Verifica-se também que quanto maior for a satisfação com a profissão e maior a autonomia e reconhecimento profissional, menor será a probabilidade de os enfermeiros mudarem de profissão. Conclusão: É fundamental que as organizações de saúde se preocupem com a retenção dos seus enfermeiros, adotando estratégias de recursos humanos que valorizem os mesmos e com modelos organizacionais voltados para a motivação e satisfação.

Palavras-chave : recursos humanos; reorganização de recursos humanos; satisfação no emprego; enfermagem.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons