SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIV número16Capacidad de seguimiento de la Escala de Depresión Geriátrica con 10 y 5 ítemsDisnea en cuidados paliativos: registros de enfermería y autoevaluación de la disnea índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista de Enfermagem Referência

versión impresa ISSN 0874-0283

Resumen

DIXE, Maria dos Anjos Coelho Rodrigues et al. Determinantes do acesso ao serviço de urgência por utentes não urgentes. Rev. Enf. Ref. [online]. 2018, vol.serIV, n.16, pp.41-52. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIV17095.

Enquadramento: A utilização dos serviços de urgência (SU) por situações não urgentes constitui uma preocupação a nível nacional e mundial. Objetivos: Avaliar as características sociodemográficas e o acesso ao SU por utentes não urgentes e identificar os fatores que motivam a sua procura. Metodologia: Neste estudo transversal recorreu-se a uma entrevista e à consulta dos processos clínicos eletrónicos de 357 doentes triados como não urgentes num SU de um hospital português seguindo-se uma amostragem acidental. Resultados: Os utentes da amostra são maioritariamente do sexo feminino, de meia-idade, com reduzidas habilitações literárias, que recorrem ao SU, sobretudo no período diurno e por iniciativa própria. Os motivos mais referenciados foram: A minha doença justifica a ida à urgência (91,7%) e Posso realizar os exames todos no mesmo dia (65,6%). A maioria dos utentes (87,9%) teve alta clínica, sendo que 84,9% dos utentes tem acesso ao médico de família. Conclusão: Foram identificados múltiplos determinantes do acesso ao SU, permitindo apontar sugestões que visam uma utilização racional dos cuidados de saúde.

Palabras clave : serviços médicos de emergência; serviços de saúde; assistência ao paciente; adulto.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons