SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIV número12Calidad de vida de los niños con enfermedad renalValidación de una Escala de Satisfacción de los Enfermeros con el Trabajo para la población portuguesa índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista de Enfermagem Referência

versión impresa ISSN 0874-0283

Resumen

SOUZA, Joana D'Arc de; JUNIOR, João Mário Pessoa  y  MIRANDA, Francisco Arnoldo Nunes de. Stresse em serviço de urgência e os desafios para enfermeiros brasileiros e portugueses. Rev. Enf. Ref. [online]. 2017, vol.serIV, n.12, pp.107-116. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIV16064.

Enquadramento: O stresse em serviço de urgência configura-se como um dos principais problemas de saúde pública, repercutindo-se de forma negativa na vida dos trabalhadores. Objetivos: Analisar a opinião de enfermeiros brasileiros e portugueses sobre o stresse em serviço de urgência. Metodologia: Estudo descritivo de abordagem qualitativa, realizado com 120 enfermeiros em 2 serviços públicos de saúde, um no Brasil e outro em Portugal. Os dados foram colhidos através de entrevistas semiestruturadas, processados pelo software Alceste versão 4.7 e interpretados com análise temática de conteúdo. Resultados: Elaboraram-se 2 blocos temáticos: o trabalho no setor de urgência e a sua interface com o stresse, e o setor de urgência: cenários e desafios. Conclusão: Os enfermeiros compreendem o stresse em serviço de urgência com sentimentos de insatisfação, configurando um trabalho constituído de dificuldades, perpassado pela impossibilidade de atender às necessidades dos usuários segundo os padrões da dignidade humana.

Palabras clave : esgotamento profissional; enfermagem; emergências; saúde do trabalhador; agotamiento profesional; enfermería; urgencias médicas; salud laboral.

        · resumen en Inglés | Portugués     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons