SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIV número12Mapeo y definición de términos registrados por enfermeros de un hospital especializado en urgencias y traumaPercepciones de los estudiantes de enfermería sobre los procesos formativos en el contexto de la enseñanza clínica índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista de Enfermagem Referência

versión impresa ISSN 0874-0283

Resumen

PORTUGAL, Crisanta Maria Gomes da Silva Leopoldo; SA, Luís Octávio de  y  AREIAS, Maria Hercília Ferreira Guimarães Pereira. Os efeitos cardiorrespiratórios dos sons maternos no recém-nascido das 26 às 33 semanas de idade gestacional. Rev. Enf. Ref. [online]. 2017, vol.serIV, n.12, pp.55-64. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIV16075.

Enquadramento: A assistência ao recém-nascido prematuro (RNP) é uma das áreas da saúde com maiores progressos nas últimas décadas, determinando condutas obstétricas e neonatais mais intervencionistas e inovadoras. Os fatores ambientais e comportamentais, existentes nas unidades de cuidados intensivos neonatais (UCINs), têm sido estudados para analisar e determinar quais os seus efeitos nos RNPs. Objetivos: Determinar quais os efeitos dos sons maternos nos parâmetros cardiorrespiratórios dos RNPs internados numa UCIN. Metodologia: Efetuou-se um estudo experimental randomizado com 18 RNPs, distribuídos aleatoriamente em 2 grupos, de modo a comparar os efeitos dos sons maternos com os efeitos dos sons habituais de uma UCIN. Resultados: Os RNPs expostos aos sons maternos apresentaram valores mais estáveis de frequência cardíaca (p = 0,000), frequência respiratória mais elevada (p = 0,000) e saturações de oxigénio superiores (p = 0,000) quando comparados com os RNP expostos aos sons habituais de uma UCIN. Conclusão: Os resultados obtidos demonstram o benefício da exposição aos sons maternos, conduzindo a uma maior estabilidade fisiológica e clinica dos RNPs.

Palabras clave : estimulação auditiva; recém-nascido prematuro; frequência cardíaca; frequência respiratória; oximetria de pulso.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons