SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIV número10Evaluación de las propiedades psicométricas de la Escala de Satisfacción de los Pacientes con los Cuidados de Enfermería en el HospitalConstruction and validation of the Scale of Perceived Gains from High-Fidelity Simulation (Escala de Ganhos Percebidos com a Simulação de Alta Fidelidade - EGPSA) índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista de Enfermagem Referência

versión impresa ISSN 0874-0283

Resumen

SALES, Willian Barbosa et al. Comportamento sexual de risco e conhecimento sobre IST/SIDA em universitários da saúde. Rev. Enf. Ref. [online]. 2016, vol.serIV, n.10, pp.19-27. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIV16019.

Enquadramento: O comportamento sexual de risco esta relacionado com o número de parceiros sexuais, não utilização de preservativos, entre outros fatores. Objetivo: Caracterizar o perfil dos universitários da área de saúde numa intituição de ensino superior (IES), quanto a aspetos demográficos e sexuais. Metodologia: Estudo descritivo, prospetivo e transversal com abordagem quantitativa, realizado com 819 universitários da área da saúde. Utilizou-se um questionário com questões sobre aspetos demográficos, conduta sexual e conhecimento sobre IST/SIDA. Adotou-se como comportamento de risco 2 ou mais comportamentos sexuais: não utilização de preservativos, mais de 10 parceiros sexuais, manter relações sob efeito de álcool/drogas e com pessoa pouco ou recentemente conhecida. Resultados: Setenta e sete vírgula quarenta e um por cento (634) são mulheres e 22,59% (185) homens; com média de idade de 24,4 anos (DP± 6,7), 52% apresentaram comportamento de risco e conhecimento insuficiente sobre IST. Conclusão: Dos participantes, 52% possuem comportamento de risco sexual, facto que exige desenvolvimento de trabalhos preventivos com esta população, através de atividades educativas, visando consciencialização e diminuição dos riscos para IST.

Palabras clave : infecções sexualmente transmissíveis; síndrome de imunodeficiência adquirida; estudantes de ciências da saúde; comportamento sexual.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons