SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIV número9Opiniones sobre el cambio de turno de enfermeros en unidades quirúrgicas: traducción, adaptación y validación de cuestionariosUna experiencia con la Global Trigger Tool en el estudio de eventos adversos en un servicio de medicina índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Revista de Enfermagem Referência

versión impresa ISSN 0874-0283

Resumen

SILVA, Ernestina Maria Batoca; PEDROSA, Dora Lúcia Lopes; LECA, Andrea Patrícia Correia de  y  SILVA, Daniel Marques. Perceção dos profissionais de saúde sobre a cultura de segurança do doente pediátrico. Rev. Enf. Ref. [online]. 2016, vol.serIV, n.9, pp.87-95. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIV16007.

Enquadramento: A cultura de segurança de qualquer organização tem especial significado para os doentes, pagadores, gestores e prestadores de cuidados, sendo um fenómeno passível de ser avaliado nas várias dimensões que integra. Objetivo: Avaliar a cultura de segurança do doente pediátrico percecionada pelos profissionais de saúde. Metodologia: Estudo quantitativo de cariz descritivo. A amostra é não probabilística, constituída por 258 profissionais de saúde a exercer funções em serviços pediátricos e neonatais de 2 hospitais/centros hospitalares portugueses. O instrumento baseia-se no Hospital Survey on Patient Safety Culture. Resultados: A maioria dos profissionais considera a segurança do doente boa ou muito boa. A dimensão Trabalho em Equipa destacou-se pela positiva, sendo o Apoio à Segurança do Doente pela Gestão e Resposta ao Erro não Punitiva consideradas problemáticas. Mais de 79% dos profissionais não notificou eventos/ocorrências nos últimos 12 meses. Conclusão: Estes dados sugerem ser necessário investir numa cultura de segurança que promova a notificação voluntária e não punitiva do erro e incidentes adversos.

Palabras clave : segurança do paciente; qualidade da assistência à saúde; erros médicos; serviços de saúde da criança.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons