SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIII número8Estilos parentais, inteligência emocional e o enfant terrible: relações, implicações e reflexõesA liga republicana das mulheres portuguesas e a enfermagem no século xx: leituras na imprensa feminista índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista de Enfermagem Referência

versão impressa ISSN 0874-0283

Resumo

AZEVEDO, Elisângela Braga de et al. Tendências de pesquisas brasileiras sobre mulheres mastectomizadas. Rev. Enf. Ref. [online]. 2012, vol.serIII, n.8, pp.163-170. ISSN 0874-0283.  http://dx.doi.org/10.12707/RIII11118.

Objetivou-se analisar as tendências das pesquisas realizadas no Brasil sobre mulheres mastectomizadas. Trata-se de um estudo bibliográfico de abordagem quantitativa, realizado de 15 de junho a 31 de julho de 2009. Para coleta dos dados empíricos utilizou-se um instrumento estruturado, posteriormente os dados foram tabulados, analisados, transformados em porcentagens e agrupados em uma tabela para facilitar a visualização das informações. A amostra foi constituída por resumos adquiridos através de busca eletrónica, utilizando-se as bases de dados da BIREME, LILACS, SciELO, MEDLINE e BDENF. Foram encontrados 111 artigos e após os critérios de inclusão chegou-se à amostra final de 69 artigos. Identificaram-se tendências a pesquisas qualitativas na maioria dos resumos, sendo o maior enfoque dado à reabilitação. A região que mais desenvolveu pesquisas foi a Sudeste, seguida pelo Nordeste. Muitos artigos não apresentavam dados informativos metodológicos essenciais para o entendimento do leitor, dificultando a busca nos referidos bancos de dados.

Palavras-chave : saúde da mulher; mulheres; mastectomia.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons