SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIII número2Cuidar no paradigma da desinstitucionalização: A sustentabilidade do idoso dependente na famíliaEnfermagem e o Jogo Dramático: Reflexões de enfermeiros sobre o cuidado da enfermagem através da imagem índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista de Enfermagem Referência

versão impressa ISSN 0874-0283

Resumo

FONSECA, Ana Dias da; PEDROSA, Anabela Araújo  e  CANAVARRO, Maria Cristina. Eficácia de um protocolo de intervenção psicológica em situações de perda perinatal: A percepção das utentes. Rev. Enf. Ref. [online]. 2010, vol.serIII, n.2, pp.55-64. ISSN 0874-0283.

Contexto: O protocolo de intervenção psicológica em situações de perda perinatal da Unidade de Intervenção Psicológica (UnIP) foi desenvolvido com o objectivo de promover a adaptação parental à perda perinatal, em termos da aceitação da perda e da restituição do equilíbrio emocional e das diferentes áreas de vida. Objectivo: Este estudo tem como objectivo explorar a percepção das utentes acerca do referido protocolo (consecução dos objectivos, importância e utilidade). Método: Foi realizado um estudo descritivo-correlacional, com uma amostra constituída por 37 participantes que beneficiaram do protocolo de intervenção psicológica, após a ocorrência de uma perda perinatal. Resultados: Os resultados sugerem que as utentes percepcionam o protocolo como útil e eficaz na consecução dos objectivos referidos; essa percepção é variável em função de algumas das suas características de aplicação. O protocolo de intervenção psicológica parece trabalhar de forma mais eficaz a dimensão de coping focado na perda, do que a dimensão de coping focado na restauração de rotinas. Conclusões: Apesar dos benefícios do protocolo, verifica-se uma lacuna na promoção do processo oscilatório entre as dimensões de coping focadas na perda e na restauração de rotinas. São discutidas implicações dos resultados para a aplicação do protocolo.

Palavras-chave : mortalidade perinatal; eficácia do tratamento; satisfação das utentes.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons