SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número93“Estou cansado de ser homem”: paternidade periférica no trabalho de mineração no Chile índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Sociologia, Problemas e Práticas

versão impressa ISSN 0873-6529

Resumo

CARREIRAS, Helena; BESSA, Fernando; AVILA, Patrícia  e  MALHEIRO, Luís. Cadetes nas academias militares portuguesas: um retrato sociológico. Sociologia, Problemas e Práticas [online]. 2020, n.93, pp.9-29. ISSN 0873-6529.  http://dx.doi.org/10.7458/SPP20209314043.

O objetivo do presente artigo é revisitar a questão das origens sociais do corpo de oficiais das Forças Armadas, utilizando dados de um inquérito aplicado a todos os cadetes que frequentavam os cursos das escolas superiores militares, em 2016. Coloca-se a questão de saber se as características sociológicas das futuras elites militares revelam um padrão de convergência com a sociedade ou se dela se afastam, em termos de origens geográficas, género e origens sociais. O artigo apresenta um retrato sociológico dos cadetes e compara-o com estudos anteriores, identificando tendências de mudança e continuidade. Os resultados demonstram que existe diversidade e convergência no padrão de recrutamento: os cadetes são oriundos de uma maior variedade de regiões do país relativamente ao passado; persistem assimetrias de género, mas que têm vindo a diluir-se; os padrões de autorrecrutamento são estáveis; e subsiste uma segmentação na origem social que aponta para a dominância das classes sociais mais qualificadas e com maiores recursos. Na conclusão são levantadas questões sobre os padrões de convergência civil-militar, bem como sobre o possível aumento das diferenças entre categorias no interior das forças militares.

Palavras-chave : cadetes militares; corpo de oficiais; origens sociais; relações civis-militares.

        · resumo em Inglês | Francês | Espanhol     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons