SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.42 issue1Production of maize 'Potiguar' fertigated with yellow water and cassava wastewaterPhysiological potential of two rice seeds in response to salt stress author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Revista de Ciências Agrárias

Print version ISSN 0871-018X

Abstract

REYES, Sergio Manuel Rugeles et al. Respostas fisiológicas de mudas de Physalis peruviana L. inoculadas com Funneliformis mosseae sob déficit hídrico. Rev. de Ciências Agrárias [online]. 2019, vol.42, n.1, pp.171-180. ISSN 0871-018X.  http://dx.doi.org/10.19084/RCA18140.

Physalis peruviana L. vem adquirindo importância nos mercados internacionais devido a suas propriedades nutricionais, entretanto diante das mudanças climáticas suas regiões de cultivo são cada vez mais suscetíveis a períodos de seca. Uma estratégia para essa restrição climática é a associação com fungos formadores de micorrizas arbusculares (MA). O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da inoculação com o fungo Funneliformis mosseae sobre o crescimento inicial e alguns parâmetros fisiológicos de P. peruviana L. sob déficit hídrico. Os tratamentos testados foram três regimes hídricos (30%, 40% e 80% da capacidade de campo) e presença ou ausência de MA. Nesse sentido, a quantificação da colonização, massa seca da raiz e da parte aérea, conteúdo relativo de água (CRA), potencial hídrico foliar, taxa de fotossíntese (A), transpiração (E), condutância estomática (gs), conteúdo e fluorescência de clorofilas e extravasamento de eletrólitos foram avaliados. Determinou-se efeito negativo dos tratamentos com 30% e 40% de capacidade de campo para todas as variáveis, porém, plantas com AM apresentaram maiores valores de massa seca de raiz, CRA, A, gs e conteúdo de clorofilas. Contudo, não houve efeito da micorrização na fluorescência da clorofila e extravasamento de eletrólitos, indicando que apesar de a simbiose ser promissora, não é suficiente para atenuar os efeitos deletérios do déficit hídrico como estratégia isolada, e deve ser integrada com outras estratégias de manejo.

Keywords : micorrizas arbusculares; physalis; mudança climática; trocas gasosas; déficit hídrico.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License