SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 número especialAvaliação de atitudes no consumo de produtos da colmeiaCaracterização química e propriedades bioativas de amostras de veneno de abelha obtidas no Nordeste de Portugal índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista de Ciências Agrárias

versão impressa ISSN 0871-018X

Resumo

CERVEIRA, João et al. Os apicultores da Beira Alta: percepções e comportamentos face ao risco do uso de pesticidas. Rev. de Ciências Agrárias [online]. 2017, vol.40, n.spe, pp.301-310. ISSN 0871-018X.  http://dx.doi.org/10.19084/RCA16199.

O desaparecimento de abelhas, verificado a nível global, é hoje uma preocupação dos apicultores e da comunidade científica e técnica, sendo que diversos estudos sugerem que o uso de pesticidas será uma das causas para a mortalidade das abelhas, que se tem verificado nos Estados Unidos e em vários países europeus, incluindo Portugal. Em Portugal, a prática de uma apicultura extensiva dificulta a agregação de informação que permita uma efectiva avaliação dos riscos colocados pelo uso de pesticidas à prática apícola e ao apicultor, às populações de abelhas e à qualidade e segurança do mel e de outros produtos da colmeia. Nesse sentido, pretende-se com este trabalho caracterizar o apicultor da Beira Alta e as suas práticas apícolas, bem como o risco associado às práticas agrícolas implementadas na zona de influência dos seus apiários. Para tal, efectuou-se uma caracterização, com base num sistema de informação geográfica (Quantum GIS), dos apicultores do concelho de Viseu, associados da Associação de Apicultores da Beira Alta e determinou-se uma escala de risco baseada no tipo de ecossistemas encontrados num raio de 500 m em redor de cada apiário. Para além disso, aplicou-se um questionário a uma amostra de 15 apicultores representativos da região, para recolha de informação relativa à caracterização do apicultor, apiário e práticas apícolas, e para caracterização e avaliação do potencial de risco devido ao uso de pesticidas associado às explorações agrícolas na envolvência dos apiários. Estima-se que, em cerca de 70% dos apiários, os riscos para as abelhas devido ao uso de pesticidas sejam reduzidos, uma vez que se encontram inseridos em espaço predominantemente florestal. No entanto, cerca de 20% dos apiários inserem-se em áreas de risco elevado, uma vez que a sua envolvência é dominada por culturas anuais, vinha e pomares onde o risco do uso de pesticidas é elevado.

Palavras-chave : Apis melifera; apicultura; percepções; pesticidas; riscos.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons