SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue4Applying a soil water erosion model at forest intervention unit scale using a Geographic Information SystemSoil economic value: private and public perspectives author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Revista de Ciências Agrárias

Print version ISSN 0871-018X

Abstract

MADEIRA, Manuel; RICARDO, Rui Pinto  and  NETO, António Gonçalves. As coberturas florestais e a recuperação da fertilidade de Solos Ferralíticos de Angola. Rev. de Ciências Agrárias [online]. 2015, vol.38, n.4, pp.598-611. ISSN 0871-018X.  http://dx.doi.org/10.19084/RCA15142.

Estudaram-se os efeitos de diferentes sistemas florestais - “mata de panda” (MP), Pinus patula(PP), Eucalyptus grandis (EG) e Grevillea robusta (GR) instalados entre 1965 e 1968na Estação Experimental Agrícola da Chianga (Huambo, Angola), em características químicas de Solos Ferralíticos até à profundidade de 30 cm, relativamente a áreas ocupadas por cultura agrícola tradicional. Apenas as áreas com EG e GR determinaram melhorias apreciáveis na reacção, no teor de carbono orgânico, na concentração de catiões de troca não ácidos extraíveis e na capacidade de troca catiónica efectiva do solo, geralmente até 10 cm de profundidade. A “mata de panda” mostrou influência muito menos acentuada e oefeito das formações de PP foi reduzida. A capacidade de recuperação da fertilidade dos solos mostrou-se associada à natureza da cobertura florestal, mas também à natureza dos próprios solos. Os resultados também indicam que a baixa capacidade de retenção de catiões dos solos no Planalto Central de Angola pode ser aumentada pela correcção da acidez e pelo acréscimo do teor de matéria orgânica.

Keywords : alumínio; cálcio; capacidade de troca catiónica efectiva; carbono orgânico; reacção do solo.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License