SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue4Spatial variability and temporal stability of soil organic carbon in a Mediterranean silvo-pastoral systemApplying a soil water erosion model at forest intervention unit scale using a Geographic Information System author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Revista de Ciências Agrárias

Print version ISSN 0871-018X

Abstract

GONCALVES, M. C.; MARTINS, J. C.  and  RAMOS, T. B.. A salinização do solo em Portugal: Causas, extensão e soluções. Rev. de Ciências Agrárias [online]. 2015, vol.38, n.4, pp.574-586. ISSN 0871-018X.  http://dx.doi.org/10.19084/RCA15140.

A salinização é um dos principais processosde degradação do solo a nível mundial. Em Portugal, este problema está limitado às zonas costeiras afectadas pelas marés (sapais) e a algumas áreas regadas no sul do País. Contudo, o aumento da área regada e as perspectivas de mudanças climáticas para as próximas décadas, nomeadamente o aumento das temperaturas, podem levar a um acréscimo da área afectada por aquele problema em Portugal e a uma crescente degradação dos solos. Descrevem-se as principais causas de salinização/sodizaçãodos solos, os indicadores mais relevantes e as classificações mais utilizadas para solos salinos e sódicos. Indicam-se também as principais áreas afectadas em Portugal, quer por salinização natural, quer por salinização secundária.Revêem-se, ainda, alguns dos principais estudos no âmbito da cartografia de solos salinos, do aproveitamento dos solos salinos e sódicos e do uso de águas de rega de má qualidade realizados em Portugal, nas últimas décadas. Finalmente são referidos os principais métodos para prevenir e recuperar a salinização/sodização dos solos.

Keywords : água salina; modelação; salinidade; sodicidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License