SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número1-2Papel Interactivo - Produção e caracterização de dispositivos electrocrómicos em papelCélulas solares de silício micro/nanocristalino índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Ciência & Tecnologia dos Materiais

versão impressa ISSN 0870-8312

Resumo

SANTOS, Rodrigo; BASTOS, João; SANTOS, Luís F.  e  ALMEIDA, Rui M.. Vidros Cerâmicos Nanocristalinos Transparentes. C.Tecn. Mat. [online]. 2009, vol.21, n.1-2, pp.11-26. ISSN 0870-8312.

Os vidros cerâmicos que contêm no seu interior nanocristais com propriedades ópticas não lineares, nomeadamente a geração de segundos harmónicos (SHG), têm um enorme potencial de aplicação na área da fotónica, podendo integrar sistemas ópticos e optoelectrónicos. Com este trabalho, pretendeu-se preparar e caracterizar amostras vítreas no sistema GeO2∙SiO2∙Nb2O5∙K2O e produzir vidros cerâmicos transparentes nanocristalinos a partir daquelas, privilegiando a cristalização em volume. Prepararam-se amostras vítreas no sistema estudado, tendo-se verificado um aumento da densidade e uma diminuição da temperatura de transição vítrea com o aumento do teor em GeO2. Tratamentos térmicos efectuados às amostras preparadas permitiram identificar as fases cristalinas K3.8Nb5Ge3O20.4 e K3Nb3Si2O13 como sendo as fases correspondentes aos primeiros picos de cristalização obtidos por DTA. Um germanosilicato com 50 mol% de formador de vidro revelou capacidade para promover cristalização em volume. De facto, obteve-se um vidro cerâmico transparente com tamanho de cristais de ~20-25 nm.

Palavras-chave : Vidros Cerâmicos Transparentes; Germanosilicatos de Nióbio; Cristalização em Volume.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )