SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número3Desenvolvimento social: Algumas considerações teóricasA concordância entre o comportamento de base segura com a mãe nos primeiros anos de vida e os modelos internos dinâmicos no pré-escolar índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Análise Psicológica

versão impressa ISSN 0870-8231

Resumo

MONTEIRO, Lígia; VERISSIMO, Manuela; SANTOS, António J.  e  VAUGHN, Brian E.. Envolvimento paterno e organização dos comportamentos de base segura das crianças em famílias portuguesas. Aná. Psicológica [online]. 2008, vol.26, n.3, pp.395-409. ISSN 0870-8231.

Estuda-se, numa amostra de famílias bi-parentais, em que as mães trabalham a tempo inteiro, e as crianças frequentam cuidados não-maternos, várias horas por dia, o envolvimento paterno nas actividades de organização/cuidados (Práticas) e de brincadeira/lazer (Lúdicas). Analisam-se, os correlatos (variáveis socio-demográficas) e as consequências da participação paterna, ao nível da organização dos comportamentos de base segura da criança, com o pai e a mãe. Os participantes são 44 díades mãe/criança e pai/criança, tendo as crianças em média 31.91 meses (DP=2.56). Aplicou-se, a ambos os pais (separadamente), um questionário que avalia o envolvimento parental (Monteiro, Veríssimo, Castro, & Oliveira, 2006), e utilizou-se o Attachment Behavior Q-Set (Waters, 1995) na análise das relações de base segura. Os resultados indicam que é quase sempre a mãe a realizar as Tarefas Práticas e que tanto a mãe como o pai participam nas Actividades Lúdicas. A participação dos pais, nas Actividades Práticas, está significativamente correlacionada com o modo como a criança organiza os seus comportamentos de base segura, na relação com o progenitor, enquanto que, nas Actividades Lúdicas este valor é marginalmente significativo. Apenas a participação paterna, nas Actividades Lúdicas, se encontra significativamente correlacionada com o valor de segurança da criança na relação com a mãe. Nesta amostra a quantidade do envolvimento paterno tem consequências positivas para o desenvolvimento sócio-emocional da criança.

Palavras-chave : Envolvimento paterno; tipo de actividades; relações de base segura; contexto familiar.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons