SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número1A classificação diagnóstica das perturbações da saúde mental da primeira infância: uma experiência clínicaPrograma clínico para o tratamento das perturbações da relação e da comunicação, baseado no Modelo D.I.R. índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Análise Psicológica

versão impressa ISSN 0870-8231

Resumo

GONCALVES, Maria José. Aumentar a resiliência das crianças vítimas de violência. Aná. Psicológica [online]. 2003, vol.21, n.1, pp.23-30. ISSN 0870-8231.

A violência é um fenómeno social cada vez mais generalizado num número cada vez maior de crianças, cada vez mais jovens. O impacto directo do traumatismo, a sua influência sobre o desenvolvimento psicoafectivo da criança e as estratégias de adaptação utilizadas são áreas nas quais se fazem sentir as consequências dos traumatismos. A resiliência é descrita como sendo um factor muito importante que determina a forma como a criança e a família reagem ao traumatismo. A autora analisa de uma forma mais sistemática os maus-tratos que se exercem sobre as crianças pequenas, no seio da família. Baseada na experiência clínica da Unidade da Primeira Infância, descreve alguns aspectos clínicos que vão desde as dificuldades do diagnóstico destas situações, até à sua transmissão transgeracional e finalmente as intervenções terapêuticas que protegem a criança e a ajudam a desenvolver os seus mecanismos de resiliência, face à violência.

Palavras-chave : Violência; resiliência; intervenção terapêutica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons