SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número3Marianela de galdós: um olhar educativoCherilyn sarkisian - ‘cher' ou o prometeu pós-moderno: dando voz ao ‘marginal' índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Diacrítica

versão impressa ISSN 0807-8967

Resumo

PEREIRA, Almerinda Maria do Rosário. Recuo ao mais côncavo vazio de juan josé millás: os 40 anos de cerbero son las sombras. Diacrítica [online]. 2015, vol.29, n.3, pp.144-167. ISSN 0807-8967.

À guisa de celebração dos 40 anos da aparição a lume de Cerbero son las sombras, romance inaugural da obra de Juan José Millás (Valencia, 1946), este artigo visa analisar a forma como o escritor, sendo então um jovem, patenteou a sua preocupação pela temática existencial, a partir de um género de estética do esvaziamento, esvaziamento este que seria necessário a um posterior preenchimento, dotado de outro colorido, e ao qual um Millás quase septuagenário nos viria a habituar. O recuo que aqui empreendemos procura o lado mais côncavo do escritor, através da descoberta do retalhamento do físico, que é também, e em simultâneo, dilaceração do espírito, até à aniquilação.

Palavras-chave : mutilação; amputação; morte; desumanização; imobilidade.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons