Scielo RSS <![CDATA[Análise Psicológica]]> http://www.scielo.mec.pt/rss.php?pid=0870-823119970003&lang=pt vol. 15 num. 3 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.mec.pt/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.mec.pt http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[<B>Psicologia comunitária </B>: <B>Origens, fundamentos e áreas de intervenção </B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este artigo procura fornecer, em língua portuguesa, os contributos dos principais teóricos da Psicologia Comunitária sobre as suas origens, fundamentos e áreas de intervenção. Ao mencionar-se os textos de Kelly, Levine, Rappaport e Zimmerman, procurou-se assegurar que os fundadores e continuadores da Psicologia Comunitária estivessem devidamente representados neste trabalho. Com a analogia ecológica de Kelly, as teorias da crise e adaptação de Caplan e Levine, o empowerment-participação de Rappaport e Zimmerman, pensamos ter construído um artigo actualizado sobre o estado da arte da Psicologia Comunitária.<hr/>With this article we intend to provide in the portuguese language some of the main contributions of the Community Psychologists about it’s origins, foundations and fields of intervention. We have mentioned the work’s of Kelly, Levine, Rappaport and Zimmerman in order to ensure that the founding-fathers and their followers would be represented in this article. With Kelly’s ecological analogy, the theories of crisis and adaptation of Caplan and Levine, Rappaport’s and Zimmerman’s empowerment-participation, we consider that an actual article about Community Psychology is presented to our readers. <![CDATA[<B>Developing effective evaluation partnerships</B>: <B>Paradigmatic and contextual barriers </B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The aim of this article is the description of effective evaluation partnerships of community based programs involving the evaluators, the organizations, and the communities. The evaluation may adress problems like domestic violence, juvenile delinquency, people with disabilities or contexts as schools, organizations, communities or policies. The experience of a Foundation that intended to have it´s community based program evaluated is described, and resisted to consult with the community about their needs. Through this example are identified the criteria that may influence the sucess of the collaborative evaluations between communities, organizations and evaluation professionals that consider themselves as facilitators.<hr/>O artigo tem como objectivo a descrição do funcionamento de uma parceria eficaz entre os profissionais de avaliação de Programas de base comunitária, as organizações e as comunidades envolvidas. A avaliação pode abranger problemas vários como violência doméstica, delinquência juvenil, pessoas com deficiência ou contextos como escolas, organizações, comunidades ou mesmo a implementação de políticas. É descrita uma experiência de uma Fundação que pretendia ver o seu Programa de Intervenção Comunitária Avaliado, mas que resistia em recolher as informações junto da população sobre as suas necessidades. A partir deste exemplo, são identificados alguns dos critérios que podem estar na base do sucesso vs. insucesso das avaliações de programas comunitários numa perspectiva de colaboração entre a comunidade, as organizações e os avaliadores que se apresentam como facilitadores. <![CDATA[<B>People first</B>: <B>Strategies of empowerment in work organizations </B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The Community Psychologists in the 80´s began to see that the working environment could be a determining factor in the well-being of the individuals so they began to engage in training, research and consultancy for Companies and Trade Unions. The objective is to promote positive strategies amongst work organizations, Trade Union Organizations, health, social and recreational services, local political institutions, Ministries and Associations in a given area in order to confront problems of common interest. Once the network is informally set up the community psychologist attempts to make it completely authonomous and diminuishes his or her involvement by delegating competency to the member of the network themselves. Conditions are created in which there is opportunity for growth for other organizations and greater level of competency for the community as a whole.<hr/>Os Psicólogos Comunitários nos anos 80 começaram a perspectivar a qualidade dos contextos profissionais como um factor determinante no bem estar dos indivíduos e envolveram-se na consultoria e formação às Empresas e aos Sindicatos. O objectivo desta actividade é o da promoção de estratégias positivas de trabalho conjunto com as Empresas, os Sindicatos, as Organizações de saúde, de intervenção social e recreativa, as Instituições Políticas Locais, os Ministérios e Associações várias de modo a confrontar problemas comuns. Quando a rede está informalmente estabelecida, o Psicólogo Comunitário tenta torná-lo completamente autónomo e diminuir o seu envolvimento através da delegação de competências para os membros da rede. São assim criadas conições nas quais há oportunidade de crescimento de outras organizações e aumentar o nível de competências da comunidade como um todo. <![CDATA[<B>Alternatives to inpatient evaluations of fitness to stand trial</B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt The article is focused on the issue of competency to stand trial and the need for reform in the manner in which individuals are evaluated by mental health professionals. The authors argue that criminal defendants for the purpose of evaluation are unnecessarily detered in forensic facilities for the purpose of evaluation fitness to stand trial. A large number of studies have demonstrated that community-based screening of fitness is both feasible and cost effective. Legal and Mental Health professionals will need to work toghether to ensure that this reform is realized.<hr/>Este artigo é dedicado ao tema da competência para a apresentação perante um Juiz e a necessidade de reformar o modo como os indivíduos são avaliados pelos profissionais de saúde mental. Os autores argumentam que os arguidos são detidos desnecessariamente em estabelecimentos prisionais para a avaliação da sua capacidade para ir a julgamento. Através de um número alargado de estudos de investigação é possível demonstrar que a avaliação de base comunitária é não só possível como apresenta melhores índices em termos de custos. Os profissionais do sistema judicial e da área da saúde mental precisarão de trabalhar em conjunto para assegurar que esta reforma se realiza. <![CDATA[<B>«Aventura social» na multicultura <A NAME="top1"></A></B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este trabalho descreve a aplicação de um programa de promoção de competências sociais, a um grupo de 60 jovens, alunos do 1.°, 2.°, 3.° ciclo, com idades compreendidas entre os 6 e os 13 anos, sendo 35% de ascendência portuguesa e 65% filhos de imigrantes de países Africanos de expressão Portuguesa, maioritariamente Caboverdianos. Estes jovens frequentam três Escolas do Concelho da Amadora duas do 1.° ciclo e uma B2+3. Estes jovens, incluidos no projecto «Aventura social», frequentaram um programa de promoção de competências de relacionamento interpessoal (Matos 1993, 1994), que incluiu três componentes: 1) comunicação interpessoal verbal e não verbal; 2) resolução de problemas e gestão de conflitos; 3) promoção de competências sociais básicas e da assertividade. Como avaliação pre-pós utilizou-se um sociograma de classificação. De acordo com esta medida os jovens foram significativamente avaliados de maneira mais positiva pelos colegas na pós avaliação. Os jovens com estatuto socio-económico médio obtiveram significativamente melhores resultados sociométricos. «Per si», a sua ascendência (português ou imigrante) não pareceu determinante na obtenção de bons resultados.<hr/>This work aims at describing a Social Skills Promotion program with a group of 60 youngsters, aged between 6 and 13, attending regular schools, 35% with a Portuguese background and 65% with an Portuguese speaking African background (mostly Cap Vert). This program included three main contents (Matos, 1993, 1994): 1) interpersonal communication - verbal and non-verbal; 2) problem solving and conflict management; 3) social skills and assertiveness promotion. A sociogram was used as a pre-post evaluation. According to this evaluation children were rated significantly more positively in post evaluation. Youngsters with average SES, reached higher improvements. Background (Portuguse or African) was not «per si» relevant except when coinciding with a poverty status. <![CDATA[<B>Doença e grupo doméstico entre os Mapuche (Vale Central do Chile) </B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O autor expõe as hipóteses que testou no trabalho de campo que efectuou entre grupos de Mapuche do sul do Vale Central chileno: os grupos locais têm teorias derivadas de práticas pragmáticas do seu viver e herdadas da memória social oral, complexas e sistematizadas que conformam o processo de prevenção e cura; para as entender há que conhecer as condições naturais, sociais e históricas que enquadram as pessoas que reproduzem ideias e práticas ancestrais; a deficiente comunicação entre os representantes da ciência médica ocidental e os membros daqueles grupos radica na ignorância dos primeiros relativamente ao conhecimento que os segundos têm do seu mundo, do seu corpo e do trabalho deste como tecnologia social.<hr/>The author presents the hipothesis tested in his fieldwork among the Mapuche, in the south of the Central Valley of Chile: local groups sisthematize their daily life in theories and practices, rather abstracts, idealistics and complexes; it orientates their process of preventing sickness and of curing diseases; in order to understand this process it is necessary to know their natural, social and historical conditions that surrounds their ancestors´ ideas and practices; there is a poor comunication between physicians and the Mapuche; physicians ignore the theoretical construction of the Mapuche as well the Mapuche do not understand physicians´western theory. <![CDATA[<B>Desenvolvimento comunitário e reabilitação na comunidade </B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Este artigo apresenta uma metodologia de Reabilitação na Comunidade (RC) («Community Based Rehabilitation») integrado com os cuidados de saúde primários (CSP) dessa comunidade e com base numa metodologia de Desenvolvimento Comunitário Integrado (DCI). De acordo com esta metodologia os profissionais de reabilitação e os serviços a que estão associados deverão funcionar como apoio a instituições mobilizadoras dos membros da comunidade (associações voluntárias), de forma a assegurar a participação activa dessa comunidade na resolução dos seus próprios problemas.<hr/>This article presents a community based rehabilitation methodology within the Primary Health Care. With a participatory and comprehensive approad in the community itself. According with this methology the rehabilitation workers and other support organizations must work together in order to support and solve the problems within the community. <![CDATA[<B>Ajuda-mútua e reabilitação <A NAME="top1"></A></B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A ajuda-mútua é um dos movimentos mais significativos da actualidade. O contexto de suporte, o companheirismo que proporcionam permite, aos membros que os frequentam, readquirir o equilíbrio de que necessitam através de um relacionamento de igualdade e proximidade.<hr/>The self-help mutual aid is a significant social movement. Self-help groups develop a context where support meets the members needs through friendship and on egalitarian relationships. <![CDATA[<B><I>Ethos</I> de escola e contexto multicultural</B>: <B>Mote para alguns (re)encontros </B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300010&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O artigo explora algumas relações entre as temáticas da educação multicultural e das culturas de escola. Recuperando alguns dos estudos portugueses que põem em destaque a diversidade de culturas das escolas e, simultaneamente, a força desse mundo dos significados na construção das práticas escolares, o texto procura situar e discutir as possibilidades da promoção de práticas de educação multicultural no sistema educativo.<hr/>The present paper explores some of the relationships between the themes of multicultural education and school culture. By retrieving some of the portuguese studies highlighting the cultural diversity in schools and, simultaneously, the power of that world of meanings in the making of school practices, this text tries to locate and discuss how to pursue the multicultural practices in the portuguese educational institutions. <![CDATA[<B>Apoio habitacional </B>: <B>Uma perspectiva de reabilitação e integração comunitária</B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300011&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O desenvolvimento de um sistema de apoio a nível habitacional deverá ter como objectivo prioritário proporcionar o acesso de todas as pessoas em desvantagem a um espaço estável, acessível economicamente e com segurança. As estratégias para o desenvolvimento de alternativas habitacionais podem ter lugar no nível da melhoria do acesso à habitação existente, da preservação da habitação existente e do desenvolvimento habitacional. A garantia de resultados a longo prazo implicam acções como o envolvimento político das entidades governamentais nacionais, europeias e mesmo mundiais, a organização de parcerias na comunidade, a criação de condições para a adaptação dos espaços físicos e criação de sistemas de funcionamento eficazes e ainda favorecer o envolvimento de outros cidadãos na integração e participação social de grupos especiais.<hr/>The development of a Community Support System in terms of housing should give priority to the accessibility of disavantaged populations in order to provide access to stable, affordable and safe housing options. The strategies to develop new housing options may be focused on the acess to the existing housing market, the preservation of housing alternatives and the development of new housing options. To ensure long term successfull results implies the involvement of national, european and even world scale organizations, the adaptation of housing in terms of the space and the support services provided and the promotion of citizen participation in the integration of special needs groups. <![CDATA[<B>A Banha Da Cobra? Ensaio Sobre A Prática Psiquiátrica Contemporânea</B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300012&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O desenvolvimento de um sistema de apoio a nível habitacional deverá ter como objectivo prioritário proporcionar o acesso de todas as pessoas em desvantagem a um espaço estável, acessível economicamente e com segurança. As estratégias para o desenvolvimento de alternativas habitacionais podem ter lugar no nível da melhoria do acesso à habitação existente, da preservação da habitação existente e do desenvolvimento habitacional. A garantia de resultados a longo prazo implicam acções como o envolvimento político das entidades governamentais nacionais, europeias e mesmo mundiais, a organização de parcerias na comunidade, a criação de condições para a adaptação dos espaços físicos e criação de sistemas de funcionamento eficazes e ainda favorecer o envolvimento de outros cidadãos na integração e participação social de grupos especiais.<hr/>The development of a Community Support System in terms of housing should give priority to the accessibility of disavantaged populations in order to provide access to stable, affordable and safe housing options. The strategies to develop new housing options may be focused on the acess to the existing housing market, the preservation of housing alternatives and the development of new housing options. To ensure long term successfull results implies the involvement of national, european and even world scale organizations, the adaptation of housing in terms of the space and the support services provided and the promotion of citizen participation in the integration of special needs groups. <![CDATA[<B>Women, Violence And Male Power: Feminist Activism, Research And Practice</B>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82311997000300013&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O desenvolvimento de um sistema de apoio a nível habitacional deverá ter como objectivo prioritário proporcionar o acesso de todas as pessoas em desvantagem a um espaço estável, acessível economicamente e com segurança. As estratégias para o desenvolvimento de alternativas habitacionais podem ter lugar no nível da melhoria do acesso à habitação existente, da preservação da habitação existente e do desenvolvimento habitacional. A garantia de resultados a longo prazo implicam acções como o envolvimento político das entidades governamentais nacionais, europeias e mesmo mundiais, a organização de parcerias na comunidade, a criação de condições para a adaptação dos espaços físicos e criação de sistemas de funcionamento eficazes e ainda favorecer o envolvimento de outros cidadãos na integração e participação social de grupos especiais.<hr/>The development of a Community Support System in terms of housing should give priority to the accessibility of disavantaged populations in order to provide access to stable, affordable and safe housing options. The strategies to develop new housing options may be focused on the acess to the existing housing market, the preservation of housing alternatives and the development of new housing options. To ensure long term successfull results implies the involvement of national, european and even world scale organizations, the adaptation of housing in terms of the space and the support services provided and the promotion of citizen participation in the integration of special needs groups.