Scielo RSS <![CDATA[Corrosão e Protecção de Materiais]]> http://www.scielo.mec.pt/rss.php?pid=0870-116420080003&lang=pt vol. 27 num. 3 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.mec.pt/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.mec.pt <![CDATA[<b>Selectividade da limpeza POR laser aplicada a objectos museológicos em ferro</b>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-11642008000300001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Three distinct techniques were used to clean Fe alloys objects with surface corrosion. These objects are presently kept in Physics Museum of the University of Coimbra. The techniques used were mechanical, chemical (EDTA solution) and LASER (pulsed CO2 and Nd:YAG - Q-Switch). The chemical characterisation and the evaluation of the cleaning degree were done by transmission 57Fe Mössbauer spectroscopy. The results suggest that: the mechanical process of cleaning does not allow total removal of corrosion, reaching easily the substrate and so causing mechanical damage; the cleaning method using EDTA in confined environment and high controlled conditions, removes the corrosion products efficiently, without damaging the surface; and the cleaning methods using LASER although not achieving complete removal of corrosion, show clear characteristics of selectivity when acting on the corrosion layer or on the metal surface.<hr/>A fim de estudar processos de limpeza de corrosão em superfícies de ligas de ferro, foram utilizadas três técnicas distintas. As técnicas de limpeza utilizadas foram a limpeza mecânica, a limpeza química (com uma solução de EDTA) e a limpeza por laser. Estas técnicas foram aplicadas a objectos museológicos, pertença do Museu de Física da Universidade de Coimbra. O grau de limpeza obtido pelas diferentes técnicas foi caracterizado quimicamente e avaliado por espectroscopia 57Fe Mössbauer por transmissão. Os resultados obtidos sugerem que: o processo de limpeza mecânica, não remove completamente a corrosão, além de que atinge facilmente o substrato de ferro, causando dano mecânico na superfície; a limpeza química com uma solução de EDTA, realizada em condições controladas e em espaço confinado, remove eficientemente os produtos de corrosão, sem danos visíveis na superfície; por último a técnica limpeza por laser, embora não removendo a corrosão completamente, mostra características claras de selectividade na actuação sobre a camada de corrosão ou sobre a superfície metálica. <![CDATA[<b>O Escurecimento do Altar da Sé do Porto</b>: <b>Um Caso de Corrosão Atmosférica</b>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-11642008000300002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O objecto deste estudo, o Retábulo da Sé do Porto, foi caracterizado através da análise morfológica e microanalítica de amostras recolhidas em diferentes zonas do Retábulo, correspondentes às várias fases de construção. Concluiu-se que as ligas usadas na construção do Retábulo são ligas de prata:cobre com percentagens em Ag entre 62,59% e 97,98%, esta correspondente ao elemento mais importante do conjunto, o primeiro a ser construído, o sacrário. No que respeita aos produtos de corrosão, com base na análise feita por espectroscopia de difracção de raios-X (EDX), foi possível postular a existência de compostos de prata, tipo cloretos, e de cobre, tipo, óxidos e sulfatos. Foram ainda identificados sulfatos de sódio e de potássio e aluminosilicatos, além de vestígios dos produtos de limpeza.<hr/>Samples taken from the different zones of the silver altar of Porto’s Cathedral were characterized by morphological and analytical techniques. It was concluded that the material used in the altar piece was Ag:Cu alloys with Ag ranging between 62.9 % and 97.8 %. Concerning to the corrosion products it was possible to postulate the existence of silver compounds, as chlorides, and copper compounds, as oxides and sulphates. Other products identified related with the environment were the sodium and potassium sulphates and aluminosilicates, apart from some cleaning residues. <![CDATA[<b>Corrosão e Conservação de Estátuas de Liga de Cobre</b>]]> http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-11642008000300003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt As esculturas de exterior em liga de cobre, sem a aplicação de medidas de protecção, podem mostrar aceleração da degradação devido à corrosão, agravada pelo aumento da poluição atmosférica associado ao desenvolvimento industrial e social do último século. Da corrosão resulta a alteração cromática da superfície das estátuas, com a formação de patinas de cor verde e preta, cujas características definem níveis de risco de degradação e, consequentemente, o tipo de intervenção a que a escultura deverá ser submetida para a sua conservação. Neste artigo abordam-se os processos de corrosão mais comuns em estátuas de ligas de cobre expostas no exterior e descreve-se a formação, composição e estrutura das patinas resultantes dessa corrosão. Referem-se ainda alguns aspectos sobre a conservação deste tipo de obras de arte.<hr/>Copper alloy sculptures subjected to the atmospheric exposure without appropriate corrosion protective measures show accelerated degradation due to corrosion, enhanced by the rise in atmospheric pollution resulting from industrial and social development of the last century. Corrosion causes chromatic changes on surface with formation of black and green patinas, whose characteristics define levels of risk of degradation, therefore the type of conservation needed for its preservation. In this paper the atmospheric corrosion process of copper alloy statues is focused, describing patinas formation, constitution and structure. Additionally, some aspects related with conservation of this type of monument are referred.